Embraer avança no mercado aéreo japonês

Por meio da Eve, a companhia brasileira vai apoiar o desenvolvimento de um novo conceito de mobilidade aérea urbana
-Publicidade-
A iniciativa promete oferecer uma visão compartilhada de espaço aéreo, operação e infraestrutura no Japão
A iniciativa promete oferecer uma visão compartilhada de espaço aéreo, operação e infraestrutura no Japão | Foto: Divulgação/Skyports

A Embraer firmou uma nova parceria para apoiar o desenvolvimento de mobilidade aérea avançada para o departamento de Aviação Civil do Japão. O anúncio foi feito nesta quinta-feira, 17.

O acordo prevê a união da Eve, empresa da Embraer, e a Skyports, líder em infraestrutura para veículos elétricos de decolagem e aterrisagem vertical, na aplicação do projeto.

A iniciativa promete oferecer uma visão compartilhada de espaço aéreo, operação, infraestrutura e outros benefícios que capacitem a operação de mobilidade aérea avançada no país asiático.

-Publicidade-

Em nota, a fabricante brasileira destacou que a colaboração envolve outros parceiros, como Kanematsu Corporation, maior empresa comercial japonesa com negócios na indústria aeroespacial, e a Japan Airlines, principal companhia aérea japonesa para transporte doméstico e internacional.

“A Eve realizou parcerias para ambientes operacionais distintos em diversas partes do mundo. Essa experiência única beneficia o preparo do novo conceito de operações do Japão e assegura que as necessidades dos usuários, da comunidade japonesa e de outros públicos interessados sejam levadas em consideração”, afirmou a empresa.

Duncan Walker, CEO da Skyports, destacou em nota que estão honrados de conseguir trazer conhecimento único em fornecimento de infraestrutura para que o departamento de aviação possa acelerar a adesão de mobilidade aérea avançada no Japão.

A Embraer lembrou que a Eve tem se dedicado a viabilizar e dimensionar com segurança o ecossistema de mobilidade aérea avançada de forma global.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. Veículos elétricos de decolagem e aterrisagem vertical são apenas uma jogada de marketing nestes tempos de redução de emissão de carbono. São ainda apenas um conceito. A ideia de carros voadores elétricos iniciou com os drones, aparelhos simples e úteis para determinadas funções. Mas levarão talvez algumas dezenas de anos para que voce possa colocar pessoas, pesadas baterias, motores e o escambau em um ‘veículo’ desses e voar em segurança.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.