Revista Oeste - Eleições 2022

LG critica SP e transfere produção de laptops para Manaus

Companhia queixou-se da falta de benefícios fiscais no Estado, garante sindicato
-Publicidade-
A transferência de operações deve provocar a demissão de 300 trabalhadores
A transferência de operações deve provocar a demissão de 300 trabalhadores | Foto: Gilly Berlin/Flickr

O Sindicato dos Metalúrgicos de Taubaté (SP) informou que a LG vai pôr fim à produção local de laptops e monitores. As mercadorias eram feitas na fábrica da empresa localizada na cidade. Segundo o presidente da entidade, Claudio Batista, a companhia decidiu transferir a linha de montagem dos produtos para Manaus (AM). A decisão da LG se dá em razão da falta de benefícios fiscais no Estado de São Paulo. A transferência de operações deve provocar a demissão de 300 trabalhadores. Segundo o sindicato, a empresa garante que manterá o restante da operação em Taubaté, que abriga mil funcionários na unidade. Conforme noticiou Oeste na segunda-feira 5, a LG descontinuou a linha global de smartphones.

Com informações da CNN Brasil

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.