Mercado de criptomoedas perde US$ 150 bilhões em 24 horas

Os principais índices de ações do mundo despencaram depois de a Rússia atacar a Ucrânia
-Publicidade-
A queda já era esperada pelo mercado para o caso da invasão russa à Ucrânia
A queda já era esperada pelo mercado para o caso da invasão russa à Ucrânia | Foto: Divulgação/Pixabay

Na madrugada desta quinta-feira, 24, as notícias sobre ataques russos em diversos pontos da Ucrânia provocaram pânico em mercados de risco globais, principalmente o de criptomoedas.

Os principais índices de ações do mundo despencaram.

Nas últimas semanas, as moedas digitais tiveram um movimento de baixa e, depois dos ataques, viram um aumento considerável.

-Publicidade-

Nas últimas horas, houve uma retirada de cerca de US$ 150 bilhões (R$ 750 bilhões) do mercado de moedas digitais. Os dados são da consultoria CoinMarketCap.

O bitcoin acumula perdas acima de 8% em relação às 24 horas anteriores, negociado a US$ 35,3 mil. O ethereum perdeu 12% do valor, cotado agora a US$ 2,3 mil.

O movimento de queda mais forte no mercado de criptoativos em relação a outros mercados de risco é reflexo da maior volatilidade do setor, fundamentado em uma tecnologia recente e ainda considerado um investimento de altíssimo risco.

A queda das criptomoedas, entretanto, já era esperada para o caso de a invasão russa à Ucrânia se confirmar, já que, em momentos de crise e incerteza política e econômica, é previsível que investidores desfaçam posições em ativos de risco.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.