PayPal lança serviço de pagamento em criptmoeda nos Estados Unidos

Consumidores poderão usar seus saldos em moedas digitais para fazer compras em sites de todo o mundo
-Publicidade-
O serviço estará disponível para os 29 milhões de comerciantes nos próximos meses, anunciou o PayPal
O serviço estará disponível para os 29 milhões de comerciantes nos próximos meses, anunciou o PayPal | Foto: MichaelWuensch/Pixabay

O PayPal Holdings anunciou nesta terça-feira, 30, que começou a oferecer um serviço de pagamento por meio de criptomoedas. Com isso, os consumidores poderão usar seus saldos em moedas digitais para fazer compras em sites de todo o mundo. Por enquanto, essa possibilidade está restrita aos Estados Unidos.

Leia mais: “Musk anuncia que clientes podem comprar carros elétricos da Tesla com bitcoin

-Publicidade-

Segundo a companhia, os clientes que possuem bitcoin, ether, bitcoin cash e litecoin em carteiras digitais do PayPal já podem converter seus ativos em moedas fiduciárias no caixa para fazer suas compras. O serviço estará disponível para os 29 milhões de comerciantes nos próximos meses, anunciou a empresa.

Leia também: “Elon Musk quer criar ‘cidade cripto’ no Texas”

“Esta é a primeira vez que você pode usar criptomoedas da mesma forma que um cartão de crédito ou débito, dentro da carteira do PayPal”, afirmou CEO da companhia, Dan Schulman. “Achamos que é um ponto de transição no qual as criptomoedas deixam de ser predominantemente uma classe de ativos que você compra, mantém e ou vende para se tornar uma fonte de financiamento legítima que possibilite fazer transações no mundo real para milhões de comerciantes.”

Ainda de acordo com Schulman, o PayPal não cobrará nenhuma taxa de transação para pagamento com criptomoedas. Apenas um tipo de moeda pode ser usado em cada compra.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.