-Publicidade-

Brasil registra aumento de 150% nas exportações de ovos no 1º bimestre de 2021

Foram 3,177 mil toneladas exportadas nos dois primeiros meses deste ano
O acréscimo no faturamento foi de 152,8%
O acréscimo no faturamento foi de 152,8% | Foto: Christine Schmidt/Pixbay

O volume exportado de ovos do Brasil aumentou 150% no primeiro bimestre de 2021. O dado foi revelado por um levantamento da Associação Brasileira de Proteína Animal (ABPA). Foram 3,177 mil toneladas exportadas nos dois primeiros meses deste ano, frente a 1,267 mil toneladas no mesmo período de 2020. O acréscimo no faturamento foi de 152,8% — elevando a soma do valor das exportações para US$ 4,128 milhões.

A maior quantidade exportada teve como destino os Emirados Árabes Unidos, que absorveram 2,356 mil toneladas no primeiro bimestre. Serra Leoa aparece na segunda posição (103 toneladas), seguida de Japão (89,2 toneladas).

“A forte elevação das exportações em 2021 retoma os patamares de embarques praticados antes da pandemia”, avalia Ricardo Santin, presidente da ABPA. “O saldo das vendas incrementa as divisas geradas pelo setor produtivo em um momento especialmente importante para o setor.”

Leia também: “Em 2020, produção de carne suína brasileira atinge o melhor resultado em 23 anos”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.