Venda de máquinas para o agro deve crescer 30% em 2021

No ano anterior, o faturamento do setor atingiu R$ 42 bilhões
-Publicidade-
Foto: Divulgação/Pexels
Foto: Divulgação/Pexels

As vendas de maquinário e implementos agrícolas, descontando-se a inflação, devem crescer 30% em 2021. A estimativa é da Associação Brasileira da Indústria de Máquinas e Equipamentos (Abimaq). Em 2020, o crescimento real desse mercado foi de 17% e o faturamento do setor atingiu R$ 42 bilhões.

“As culturas agrícolas de exportação estão valorizadas, com preços favoráveis, e estão puxando a demanda por máquinas e equipamentos”, diz João Carlos Marchesan, presidente do conselho de administração da Abimaq, ao jornal Valor Econômico. Ele comentou que os problemas na cadeia de abastecimento de insumos têm gerado atrasos nas entregas, mas não interromperam a produção.

Leia também: “Banco do Brasil e Brics fazem acordo para injetar R$ 1,5 bilhão no agro”

-Publicidade-

 

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site