Assassinatos caem nos primeiros nove meses do ano no Brasil

Redução foi de 4,7% de janeiro a setembro, na comparação com o mesmo período do ano passado
-Publicidade-
Número de assassinatos no Brasil diminuiu entre janeiro e setembro deste ano
Número de assassinatos no Brasil diminuiu entre janeiro e setembro deste ano | Foto: Reprodução/Pixabay

Segundo dados do Monitor da Violência, uma parceria entre o Núcleo de Estudos da Violência da Universidade de São Paulo (NEV-USP) e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública, o Brasil registrou uma queda de 4,7% nos assassinatos cometidos nos primeiros nove meses de 2021, na comparação com o mesmo período do ano passado. As informações são do G1.

O índice nacional de homicídios tem como base os dados oficiais dos 26 Estados do país e mais Distrito Federal.

De janeiro a setembro deste ano, foram registradas 30.954 mortes violentas, ante 32.471 nos primeiros nove meses de 2020 (uma redução de mais de 1,5 mil mortes no período). São contabilizadas as vítimas de homicídios dolosos (incluindo feminicídios), latrocínios e lesões corporais seguidas de morte.

-Publicidade-

A maior queda no índice de assassinatos aconteceu no Estado do Acre (-29,7%). A maior alta foi verificada no Amazonas (+38,6%). Em 2020, depois de dois anos consecutivos de queda, o Brasil registrou alta nos homicídios.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. ‘Especialistas’ dizem que população mais armada gera preocupação. Teimosamente a realidade mostra o contrário. Mas o que é a realidade frente a certas ‘ciências’?

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.