Brasil substitui a Argentina como sede da Copa América

Decisão foi anunciada hoje pela Conmebol
-Publicidade-
O governo Jair Bolsonaro prontamente deu sinal verde à Conmebol
O governo Jair Bolsonaro prontamente deu sinal verde à Conmebol | Foto: Wallace Press/Estadão Conteúdo

A Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) decidiu nesta segunda-feira, 31, que o Brasil será a nova sede da Copa América. Anteriormente, a Argentina abrigaria o evento. Contudo, em razão dos recordes de casos de coronavírus, o país dos hermanos foi substituído. Pesou a favor do Brasil a expertise da organização dos jogos mais recentes da categoria, em 2019 (vencida pela Seleção), e o bom estado de conservação dos estádios.

De acordo com a confederação, as datas de início e término do torneio estão confirmadas — 13 de junho e 10 de julho. Natal, Brasilia, Pantanal, Penambuco e Manaus serão as cidades-sede do torneio. O governo Jair Bolsonaro prontamente deu sinal verde à Conmebol. A entidade agradeceu ao chefe do Executivo e à Confederação Brasileira de Futebol por “abrir as portas desse país para o evento esportivo mais seguro do mundo”.

-Publicidade-

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site