-Publicidade-

Brasil tem de se proteger da Huawei, alerta John Bolton

"Vimos a China roubar dados de bancos e empresas. Eles podem usar isso como vantagem comercial ou até mesmo como uma chantagem", observou
O ex-assessor de Donald Trump John Bolton | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR
O ex-assessor de Donald Trump John Bolton | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR | O ex-assessor de Donald Trump John Bolton | Foto:

“Vimos a China roubar dados de bancos e empresas. Eles podem usar isso como vantagem comercial ou até mesmo como uma chantagem”, observou

brasil
O ex-assessor de Donald Trump John Bolton | Foto: DIVULGAÇÃO/FLICKR

O ex-assessor de Segurança Nacional dos Estados Unidos John Bolton avisou ontem que a tecnologia de 5G oferecida pela chinesa Huawei ao Brasil tem de ser motivo para preocupação. Na semana passada, a empresa foi banida do Reino Unido. E, portanto, países da União Europeia sinalizam que farão o mesmo.

Para Bolton, o presidente Jair Bolsonaro precisa cuidar de seus próprios interesses nacionais ao lidar com a questão. “Os EUA só perceberam a ameaça da Huawei mais tarde. Assim sendo, é um exemplo de um problema mundial. E penso que temos todos que nos preocupar”, afirmou em entrevista à CNN Brasil.

Dessa forma, segundo o ex-assessor de Trump, a problemática tem de ser analisada do ponto de vista da segurança brasileira. “Vimos a China roubar dados e arquivos de bancos, grandes empresas. E eles podem usar isso como vantagem comercial ou até mesmo abertamente como uma chantagem”, observou.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês