Governo sente “efeitos isolados” do avanço do coronavírus no Brasil

Pandemia mundial da covid-19 fez com que bancos brasileiros cortassem sua projeção para o crescimento do PIB neste ano, que poderia não passar de 1,5%
-Publicidade-
O ministro da Economia, Paulo Guedes, faz palestra de encerramento do Seminário de Abertura do Legislativo de 2020
O ministro da Economia, Paulo Guedes, faz palestra de encerramento do Seminário de Abertura do Legislativo de 2020

“Por enquanto, identificamos efeitos isolados em alguns segmentos da indústria e de serviços, mas a curto prazo o impacto maior é sobre os setores aéreo e de eventos”, afirmou o secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa, ao jornal O Estado de S. Paulo neste domingo, 15.

A fala do secretário se refere, claro, às consequências negativas do novo coronavírus (covid-19) na economia brasileira, que impactaram principalmente as áreas mencionadas. As passagens de avião, dependentes da cotação do dólar (já subiu 20% neste ano), apresentaram altas significativas. Portanto, desestimulando o consumidor a viajar.

-Publicidade-

Já o setor de eventos tem sido afetado diante das recomendações do Ministério da Saúde para que a população evite aglomerações. Capitais como São Paulo e Rio de Janeiro já restringiram a realização de eventos com grande número de pessoas.

Como efeito da pandemia mundial da covid-19 anunciada pela Organização Mundial de Saúde, bancos brasileiros cortaram nos últimos dias sua projeção para o crescimento do PIB neste ano, que poderia não passar de 1,5%. O próprio Ministério da Economia alterou sua estimativa, de 2,4% para 2,1% — ainda assim, mais alta que a do mercado.

O governo atua para isentar de tarifas de importação alguns produtos médicos e hospitalares. Essas aquisições também terão facilidades diante da burocracia para ingresso no país. Os bancos públicos, por sua vez, estão comunicando a clientes a existência de linhas de crédito para fornecer capital de giro em momento de eventual dificuldade.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site