‘Estou sendo colocada em xeque com relação às minhas condutas médicas’

A médica Nise Yamaguchi foi ouvida hoje na CPI da Covid  
-Publicidade-
A médica oncologista Nise Yamaguchi na CPI da Covid
A médica oncologista Nise Yamaguchi na CPI da Covid

Em mais um episódio do circo armado no Senado, nesta terça-feira, 1º, foi a vez de a médica oncologista Nise Yamaguchi ser ouvida na CPI da Covid. Ao todo, onze pessoas já passaram pela sabatina dos integrantes da comissão. Na sessão de hoje, chamou atenção a maneira como a médica, que, diga-se de passagem, participou na condição de convidada, foi tratada pelos parlamentares. O que se viu foi uma sucessão de acusações, atropelo nas respostas e insistentes interrupções no raciocínio da profissional. “Estou sendo colocada em xeque com relação às minhas condutas médicas”, afirmou Nise. Ao fazer um questionamento sobre infectologia, o senador Otto Alencar (PSD-BA), médico de formação, chegou a dizer que a médica “não sabe nada” sobre o assunto.

Em um rompante, o presidente da CPI, Omar Aziz, disse: “A sua voz calma, a sua forma de falar, convence as pessoas como se a senhora estivesse falando a verdade. Infelizmente, dra. Nise, o que os seus colegas me falaram, eu retiro completamente. Eles estão totalmente equivocados com relação à senhora. A senhora está omitindo muita coisa”. E ameaçou: “Eu sou presidente da comissão, senador Marcos Rogério, e estou alertando que a senhora vai ser convocada para cá, e não mais convidada”.

Leia mais: “Nise Yamaguchi nega existência de minuta para mudar bula da cloroquina”

-Publicidade-

O festival de grosserias se estendeu ao longo da sessão. Toda vez que as declarações da oncologista não corroboravam com o relatório final já antecipadamente elaborado pelo relator Renan Calheiros, Nise era impedida de concluir a fala e defender seu ponto de vista.

Leia também: “Circo parlamentar de inquérito”, artigo publicado na Edição 61 da Revista Oeste 

Durante todo o dia é curioso como não se ouviu um pio das militantes, das jornalistas defensoras das minorias, das artistas que adoram encampar hashtags contra o manterrupting em favor das colegas. Diante do silêncio das feministas e das protetoras dos direitos das mulheres, coube às redes sociais evidenciar o tratamento hostil recebido pela médica durante a sessão parlamentar na tarde de hoje.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

23 comentários Ver comentários

  1. Só se permite ser de esquerda o corrupto ou o cidadão desclassificado.
    É impossível ainda existir pessoa de bom senso com alguma afeição por essa infeliz seita!

  2. Não temos mais que falar em grande imprensa que perdeu as tetas, à tal classe intelectual e artística que se isentou enquanto sobreviveu a revolução comunista de 1.988.
    Temos que apontar NOMES.
    Fiz questão de ligar em canais declaradamente arredios ao povo brasileiro, ao nosso destino. Reinaldo Azevedo deu um show de idiotice ontem, ao lado de suas hienas amestradas.
    Camarote focou ainda mais feio, mais colérico, tenho a certeza de que não é nada fácil se juntar a omar AZIA.
    Prefeririam se posicionar tudo o que vêm noticiando e presenciando, do lado correto. São ineficientes, dependem desses empregos, e sabem que estão prestes a perde-los
    A maioria quando não nos agridem são isentões!!!
    Tiros nos pés!!!!
    Hoje a familia de classe média brasileira entendeu tudo. As urnas, como vem acontecendo, destruirão de vez esse congresso corrupto. Senadores que deveriam ser trancafiados, sendo protegidos por suas “policias”.
    Fábricas de drogas instaladas em morros, sob autorização expressa de suas “policias”.
    Bandidos soltos, sob ordens de suas “policias”.
    As FFAA insistem numa democracia, que continue sendo por nós mirada destruíndo esse aparelhamento, esses criminosos.
    Que os Deuses ZELO, NIKE e BIA, continuem nos dando força para eliminar essa resistência bandida, sem ética, sem projetos de administração pública, pois só se interessam por cofres e malas.
    Geddel está livre. A mãe do fdp deveria estar presa

  3. Vagabundos. Extinção do Senado, que não presta para nada, a não ser para palrapatices e conluios com o STF. Pior mesmo só a sociedade brasileira, que permite esse estado de coisas, essa pantomima, esse achaque diário aos valores éticos e morais. Nojo.

  4. SENADOVENDIDO.REALMENTE MUITOS ESTÃO SENTINDO FALTA DOS CABIDES DE EMPREGO,SALÁRIOS FARAONICOS E DA CORRUPÇÃO A CÉU ABERTO DE GOVERNOS ANTERIORES .VERGONHOSO.

  5. Dra. Nise merece um ato elevado dos brasileiros em sua defesa. O povo não aceita a agressão e o desrespeito que os corruptos da CPI fizeram contra a respeitada mulher, médica, cientista, cidadã honesta, como se ela fosse uma criminosa, igual a eles. Repúdio, revolta, nojo foi o sentimento de hoje. O parlamento, a classe médica, não podem se calar. A dignidade da médica e da cidadã jamais poderiam ser atacadas como foi a dra. Nise. O que essa infame CPI está fazendo é intolerável. Exigimos do parlamento uma solução urgente. Acabem com esse circo horroroso, palanque de seres abjetos, e parem de torrar o dinheiro do povo.

  6. Assisti indignado a falta de respeito dos integrantes da CPI, não apenas com uma profissional renomada e reconhecida internacionalmente e que já prestou relevantíssimos serviços ao Pais, mas especialmente com um ser humano. Especialmente quando atingida estupidamente por falas desrespeitosas de um senador que só fala tolices, o tal Omar Aziz (devia chamar-se Omar AZIA – pq vai ser chato assim lá na China); mais ainda por um cavalo batizado (com o perdão dos quadrúpedes) da Bahia. O Baiano não é grosseiro, não é tosco, não é covarde, não é agressivo. Sugiro a Dra.Nise Yamaguchi acioná-los judicialmente. Eles que se defendam ao fundamento da imunidade parlamentar. Será a confissão de mais um ato de covardia. Aguardo que a comunidade médica se manifeste sobre as agressões sofridas pela Doutora Nise.

  7. o cara pra posar de sabichão decorou o que era um vírus e um protozoário.. se saísse do script ele estaria na roça.. arrogante, tolo, boçal! é tanta indignação.. e tanta desprezo que não há palavras pra tanta cretinisse.

  8. Triste demais é ver que só a Revista Oeste e o jornal Gazeta do Povo mostram as barbaridades que vêm ocorrendo nessa CPI de mentira.
    Uma palhaçada apoiada pela grande imprensa, ou seja, os lixos Estadão, Foice de SP e Globolixo.
    Cada dia mais me convenço de que vale muito a pena assinar a Revista Oeste.

  9. É inacreditável o que esses #SenadoresCanalhas estão fazendo nesta #CPIDaVergonha, seria muito pedir que eles paguem por isso????

  10. Já conduziram pelo duas médicas a substituí-los ou os outros 81 senadores, todos ISENTÕES E OMISSOS.
    Já tiraram o Mourão da reeleição. Dá lugar a Pazuello e é maus um a SANEAR O SENADO.
    Então?
    PEC DA BENGALA
    PEC DA PRISÃO EM SEGUNDA INSTÂNCIA
    VOTOS IMPRESSOS
    FIM DO FORO PRIVILEGIADO
    Demissão espontânea de todos os senadores da República.
    MOTIVO? VERGONHA!!!!

  11. O que eu posso falar para essa doutora é o seguinte: ser acusada pelos membros daquela CPI é prova da sua honestidade. Em um país minimamente sério aqueles vermes estariam na cadeia.

  12. SENADOR OTTO SE FOSSE UM MÉDICO DE SUCESSO E DE RESPEITO NÃO PRECISARIA SE ENCOSTAR EM UM CARGO PARLAMENTAR, QUE LHE GARANTE FORO PRIVILEGIADO, GRAÇAS AOS CRÉDULOS QUE LHE DERAM VOTOS! O MESMO ACONTECE COM OS DEMAIS SENADORES MÉDICOS QUE SEGUEM AS DIRETRIZES DE RENAN, AZIZ E RANDOLFE! TODOS FARINHA DO MESMO SACO!!!

  13. Senador!

    Espetáculo lamentável e deprimente contra uma colega médica.
    Hoje, o Brasil viu ao vivo e à cores, o seu despreparo. Perdeu muitos eleitores.

    Shame on you!

  14. Oto Alencar com certeza é analfabeto, cretino, déspota, canalha e, tudo de ruim que possa fazer parte de um ser humano, espero que seus eleitores nunca mais mandem esse lixo para Brasília.

  15. Um bando de hipócritas agressivos e covardes. Parecia mais um processo de Inquisição ou um julgamento conduzido pelos regimes totalitários da China, Camboja, antiga URSS. Uma vergonha que contamina todo Senado, principalmente essa CPI.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.