Ministério da Defesa abre licitação de R$ 652 mil para aquisição de flores

Forças Armadas vão comprar mais de 1,6 mil arranjos
-Publicidade-
Ministério da Defesa vai comprar flores
Ministério da Defesa vai comprar flores | Foto: Amanda Prouty/Unsplash

As Forças Armadas do Brasil vão ficar mais floridas. Nesta semana, o jornal O Globo revelou que o ministro da Defesa abriu processo de licitação para contratar flores e arranjos para “festividades e homenagens” do Exército. O valor a ser gasto está inicialmente previsto em R$ 652 mil.

-Publicidade-

“Arranjos tipo buquet [sic] compostos aproximadamente de 20 flores nobres”

O edital prevê que o ganhador da disputa terá de entregar ao Ministério da Defesa o total de 1.628 arranjos. Detalhe: não pode ser qualquer um. O texto licitatório destaca que 483 deles precisam ser “arranjos tipo buquet [sic] compostos aproximadamente de 20 flores nobres […] e folhagens verdes embaladas em papel kraft, papel-celofane e finalizado com laço de palha”.

Leia mais: “Ministério da Defesa vai gastar R$ 4,5 milhões em coquetéis para militares”

No documento revelado pelo jornal O Globo, o Ministério da Defesa aproveita para explicar o que, segundo a pasta, entra na classificação de flores nobres. Rosas, tulipas, copos-de-leite, lírios, gardênias, peônias e astromélias são os itens mencionados na licitação.

Mais compras

A compra das Forças Armadas irá além dos mais de mil arranjos. O mesmo edital descreve que haverá aquisição de 3.820 rosas. O produto também conta com suas especificações divulgadas — “rosas vermelhas embaladas individualmente em papel-celofane transparente e finalizadas com laço de palha”, informa o Ministério da Defesa.

Crítica pública

Ex-secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados do Ministério da Economia, o empresário Salim Mattar criticou publicamente os itens apresentados no edital. Ele reclamou do custo de tais compras — sendo que o valor ficará sob responsabilidade dos cidadãos pagadores de impostos.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

1 comentário

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site