Globo negociou com a Conmebol a transmissão da Copa América, informa site

No entanto, a emissora perdeu a disputa para o SBT
-Publicidade-
Galvão Bueno manifestou-se contra a realização da Copa América
Galvão Bueno manifestou-se contra a realização da Copa América | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Globo negociou com a Confederação Sul-Americana de Futebol (Conmebol) a transmissão da Copa América, informa o portal Notícias da TV.

Em outubro de 2020, a despeito do recrudescimento da pandemia do novo coronavírus, que já havia ceifado a vida de 160 mil brasileiros, os principais executivos da emissora viajaram para a cidade de Luque, no Paraguai, onde fica a sede da Conmebol, para conquistar o direito exclusivo de transmissão do torneio de seleções.

-Publicidade-

A comitiva contou com Jorge Nóbrega, presidente-executivo da Globo; Paulo Marinho, diretor dos canais da emissora; e Pedro Garcia, diretor de aquisição de direitos. Em reunião com presidente da Conmebol, Alejandro Domínguez, os representantes da Globo propuseram a aquisição de 100% dos direitos de transmissão do campeonato, para todas as mídias — TVs aberta e fechada, internet, rádio e streaming. A oferta foi negada.

Leia também: “Jogadores da seleção negam ação política, mas criticam Copa América”

Em nota, a Globo afirma que o encontro foi “estritamente institucional”, realizado com o objetivo de reforçar a relação de parceria entre a emissora e a Conmebol. “Não se falou sobre valores nem sobre direitos de transmissão”, diz o comunicado. “Toda a negociação da Copa América sempre foi feita por meio da representante dos direitos para o Brasil.”

Na época da viagem e das negociações, a Copa América seria realizada na Argentina e na Colômbia. Quando a competição foi transferida para o Brasil, no entanto, profissionais da TV Globo foram às mídias sociais criticar a decisão.

Oficialmente, a emissora garante não se opor à realização do torneio de seleções. “Nosso posicionamento sempre foi o de priorizar a saúde e a segurança das nossas equipes e dos atletas, respeitando orientações e protocolos das entidades de saúde e dos organizadores.”

O Sistema Brasileiro de Televisão (SBT) venceu a disputa pelos direitos da Copa América.

Leia também: “A Copa América da discórdia”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

9 comments

  1. Éééééé, estão raspando o fundo do tacho atrás de dinheiro. Audiência em queda vertiginosa (sómente o gado Lulista assiste essa tranqueira), patrocinadores em retirada, redução de salários do Bonner, Renata e a maioria dos “artistas”. Aí chegou o “seu Silvio”, que abriu a carteira (até que não precisou muito) e levou a Copa América.
    Ainda teremos o maior prazer no ano que vem quando a concessão só será renovada se a #GloboLixo pagar o que deve.

  2. Engraçado que pra outras competições internacionais transmitidas pela #GloboLixo – Panamericano de Ginástica, Liga das Nações de vôlei, Copa Sulamericana, etc., não houve gritaria por conta disso! Mas será uma honra assistir ao jogos – mesmo que da seleçãozinha de mercenários, e não ter que ouvir a voz arrogante e cheia de si do “Gavião” Bueno! #CopaAmericaNoSBT

  3. É inegável que TODOS devemos priorizar nossas vidas, nossa saúde, mas a hipocrisia que reina nesse país é algo inacreditável.
    Ouvir o Casagrande falando com toda a voz de indignação (meu Deus) sobre esse evento e não criticar todos os outros que estão acontecendo e com transmissão da empresa que ele trabalha, não dá para acreditar.
    De repente, eles são os donos da verdade e cai nessa quem quer, vida que segue…

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site