Minas quer expandir a produção de energia eólica

A CEMIG fez um chamamento público para expandir a produção de energia eólica através da aquisição de projetos inacabados
-Publicidade-
Turbinas Eólicas | Foto: Renova Energia/Reprodução Redes Sociais
Turbinas Eólicas | Foto: Renova Energia/Reprodução Redes Sociais

Atualmente, a maior parte da energia produzida pela Cemig vem de hidrelétricas

Turbinas eólicas | Foto: Renova Energia/Reprodução Redes Sociais
-Publicidade-

A Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig) pretende adquirir parques eólicos inacabados. Os projetos que interessam à estatal mineira são apenas aqueles que poderão participar de leilões para fornecer energia já em 2021. O chamamento público foi feito nesta segunda-feira, 21.

Leia também: “Google quer zerar emissão de carbono até 2030”

A Cemig tem capacidade instalada para produzir 6 gigawatts (GW) de energia elétrica, 100% de fontes renováveis. Entretanto, a maior parte disso vem de hidrelétricas e apenas 70,8 megawatts (MW) de plantas eólicas.

Com informações do Valor Econômico

 

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site