Os fatos desmentem Aos Fatos

Agência de checagem havia dito que afirmação do presidente Jair Bolsonaro sobre estimativas do PIB era falsa — e não era
-Publicidade-
<i>Aos Fatos</i> reconheceu equívoco em checagem do discurso do presidente da República
Aos Fatos reconheceu equívoco em checagem do discurso do presidente da República | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

A agência de checagem Aos Fatos admitiu nesta segunda-feira, 7, em publicação nas mídias sociais, ter cometido equívoco na checagem do pronunciamento proferido pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, na última quarta-feira, 2 de junho.

No discurso, o chefe do Executivo federal ressaltou as estimativas realizadas pelo mercado financeiro sobre o Produto Interno Bruto (PIB). Segundo Bolsonaro, os investidores avaliavam crescimento econômico acima de 4%.

-Publicidade-

Aos Fatos classificou o discurso como falso — contudo, o dado é verdadeiro. Instituições como Goldman Sachs, Itaú Unibanco e XP Investimentos estimam que a economia brasileira deva crescer, sim, acima de 4% em 2021. O leitor de Oeste já havia sido informado a respeito da recuperação do país.

 

 

Em breve comunicado no Twitter, a agência admitiu o equívoco. “Erramos”, escreveu Aos Fatos. “Diferentemente do informado na checagem do pronunciamento do presidente Jair Bolsonaro, de fato há estimativas de mercado para o PIB superiores a 4%. A informação foi corrigida, e o tuíte correspondente, deletado.”

Após Aos Fatos reconhecer o erro, Jair Bolsonaro pronunciou-se. “É mesmo? Quem diria”, tuitou o presidente.

Leia também: “As reportagens de ‘Oeste’ censuradas pelas agências de checagem de fatos”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

11 comments

  1. Aos Fatos adere a iniciativa de verificação de notícias do Facebook – (IFCN – International Fact-Checking Network/Aos Fatos/Agência Lupa – 10/05/2018)

    ESSA REDE SOCIAL DO ZÉ ZUCKINHO COLOCA LINKS ABAIXO DE POSTAGENS SOBRE COVID-19 E VACINAÇÃO, CUJO SÓ HÁ FONTES DA (O)RGANIZAÇÃO (M)ONETÁRIA DA (S)AÚDE E DE SECRETARIAS ESTADUAIS.

    ESSES ÓRGÃO NÃO SÃO TRANPARENTES NAS SUAS INFORMAÇÕES, DEVEM EXPLICAÇÕES SOBRE RECURSOS E PROCEDIMENTOS EMPREGADOS NO COMBATE À PESTE VERMELHA, E O INTERNACIONAL É CRITICADO NO MUNDO INTERIOR POR SUA RELAÇÃO COM A DITADURA COMUNISTA RESPONSÁVEL PELA DESGRAÇA.

  2. Caro Edilson Salgueiro,
    Considerando que até agora a Oeste não publicou nada sobre a recente fala do Presidente Bolsonaro onde se refere ao relatório do TCU sobre o número de mortes causados pela Covid 19, é importante saber que o perfil do Twitter do TCU negou a declaração feita pelo Presidente na qual disse que 59% dos casos de óbitos poderia estar supernotificado.
    Usuários da Internet não conseguem ter acesso ao documento (TCO14.575/2020-5) que representa a fiscalização n.51/2020). Isso é muito grave.
    Ocorre que o Orkan Intel, especializado em análise reversa e OSINT estão com o documento em seu inteiro teor por precaução.
    O link é :
    https://www.slideshare.net/Mattis-HallsteinVolla/tcu-relatrio-fiscalizao-n-512020

  3. Desculpe Edilson, se você não estiver conseguindo abrir o link (também não abre no meu laptop), posso te enviar por WhatsApp (nesse abre). Basta você me fornecer o número ou me contatar pr WhatsApp em +1 559 380-5777.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site