Rosa Weber dá 48 horas para Bolsonaro explicar MP do Marco Civil da Internet

Ação Direta de Inconstitucionalidade foi aberta pelo PSB, Solidariedade, PSDB, PT e Novo
-Publicidade-
Ministra do STF, Rosa Weber é relatora de Ação Direta de Inconstitucionalidade protocolada por cinco partidos políticos | Foto: Carlos Moura/SCO/STF
Ministra do STF, Rosa Weber é relatora de Ação Direta de Inconstitucionalidade protocolada por cinco partidos políticos | Foto: Carlos Moura/SCO/STF

A ministra Rosa Weber, do Supremo Tribunal Federal (STF), estabeleceu 48 horas para que o presidente Jair Bolsonaro explique as mudanças feitas no Marco Civil da Internet. “Diante da natureza da medida liminar requerida, a qualificar a urgência da análise dos pedidos, e da relevância do problema jurídico-constitucional posto, requisitem-se informações prévias”, determinou nesta quinta-feira, 9.

Leia mais: “‘Nunca tive intenção de agredir Poderes’, afirma Bolsonaro”

Além disso, a ministra estipulou o mesmo prazo para que a Advocacia-Geral da União e a Procuradoria-Geral da República também se manifestem. Rosa Weber analisa uma Ação Direta de Inconstitucionalidade aberta por partidos políticos — PSB, Solidariedade, PSDB, PT e Novo — questionando as alterações feitas pelo chefe do Executivo.

-Publicidade-

Leia também: “STF abre licitação de R$ 1,8 milhão para contratar seguranças privados”

Na última segunda-feira, 6, o presidente Bolsonaro editou uma medida provisória para alterar a lei que regula a internet no Brasil. O objetivo, de acordo com a Secretaria Especial de Comunicação Social, é evitar a “remoção arbitrária e imotivada de contas, perfis e conteúdos por provedores”. “Não proíbe qualquer rede social de remover conteúdo, mas exige que se apresente justa causa para esse tipo de ação.”

Telegram
-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro