-Publicidade-

Última mensagem de Salim Mattar no governo: ‘Temos de privatizar os Correios rapidamente’

Secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados pediu demissão do Ministério da Economia
O empresário Salim Mattar, agora ex-secretário especial de Desestatização do Ministério da Economia | Foto: DIVULGAÇÃO
O empresário Salim Mattar, agora ex-secretário especial de Desestatização do Ministério da Economia | Foto: DIVULGAÇÃO | salim mattar - ex-secretário de desestatização

Secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados pediu demissão do Ministério da Economia

salim mattar - ex-secretário de desestatização
O empresário Salim Mattar, agora ex-secretário especial de Desestatização do Ministério da Economia | Foto: DIVULGAÇÃO

Horas antes de ter a sua saída do Ministério da Economia confirmada por Paulo Guedes, o então secretário especial de Desestatização, Desinvestimento e Mercados, Salim Mattar, deixou o recado sobre qual deve ser a prioridade do governo federal em relação ao programa de privatizações. De acordo com ele, a venda dos Correios se faz necessária.

Leia mais: Confira 4 empresas que Guedes deseja privatizar

“Temos que privatizar os Correios rapidamente para desonerar o cidadão pagador de impostos”, afirmou Mattar, por meio de postagem no Twitter. Na ocasião, ele compartilhou a notícia divulgada na manhã de hoje pelo Ministério Público Federal (MPF). Isso porque em conjunto com a Polícia Federal, procuradores e auditores da empresa estatal que compõem a chamada Força-Tarefa Postalis deflagraram operação que cumpriu seis mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro.

O Postalis é o fundo de pensão vinculado aos Correios. Conforme denunciado por Mattar, ele é responsável por rombo milionário nos cofres públicos. “Vale lembrar que o Postalis é aquele fundo dos Correios que investiu em títulos da Venezuela e tem um rombo de R$ 11,5 bilhões”, postou.

Mais: “Centrão comemora saída de Salim Mattar”

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

4 comentários

  1. Os Correios viraram um monstro burocrático, imenso, corrupto. Domina o setor sem concorrentes. Não tem compromisso com uma boa prestação de serviços. Corrupto. Corrupto. Corrupto. O Postalis é petista. Idem o Banco do Brasil. Bolsonaro perdeu uma grande oportunidade de utilizar grandes executivos liberais na missão de desestatizar. O que está acontecendo????? Inércia? Medo? Recuo? Covardia? Ou retomamos o rumo ou não sei não…

    1. Mas os Correios não são mantidos com impostos ou tributos da união. E não vamos esquecer que o Paulo Guedes é um dos supostos investigados na fraude ao fundo Postalis como visto nas matérias divulgados pelos jornais.

  2. Não há a menor dúvida de que os correios prestam, atualmente, um péssimo serviço de logística. Tive uma compra, feita pela internet, retida por 21 dias no CDD (centro de distribuição). Não adianta reclamar. Não atendem ao telefone de forma alguma. Se atendem, dizem que o objeto saiu para entrega. Seus funcionários julgam-se os donos absolutos da empresa.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês