Inflação na Zona do Euro volta a bater recorde em janeiro

Índice ficou em 5,1%, na taxa anualizada, segundo agência de estatísticas da União Europeia
-Publicidade-
Inflação na Zona do Euro voltou a atingir patamar recorde no primeiro mês de 2022
Inflação na Zona do Euro voltou a atingir patamar recorde no primeiro mês de 2022 | Foto: Gerd Altman/Pixabay

A Zona do Euro voltou a registrar inflação recorde no primeiro mês de 2022. Segundo dados divulgados nesta quarta-feira, 2, pela agência oficial de estatísticas da União Europeia, a Eurostat, o índice ficou em 5,1% em janeiro, na taxa anualizada.

Em dezembro do ano passado, a inflação já havia batido o recorde até então, chegando a 5% na comparação anual. A expectativa do mercado para janeiro era de 4,4%.

Os preços da energia continuam sendo os principais vilões da inflação na Zona do Euro, seguidos pela subida no valor dos alimentos. O aumento no valor dos serviços e bens industriais permaneceu estável em patamares elevados. A atual meta de inflação do Banco Central Europeu (BCE) é de 2%.

-Publicidade-

No início da semana, a Eurostat divulgou os resultados do Produto Interno Bruto (PIB) da Zona do Euro, que avançou 0,3% no quarto trimestre de 2021, na comparação com os três meses anteriores.

O resultado veio em linha com as projeções dos analistas consultados pelo The Wall Street Journal.

Em relação ao mesmo período de 2020, o PIB do bloco registrou um crescimento expressivo de 4,6%. A estimativa do mercado era uma alta anual de 4,7%.

No ano passado, a economia do bloco cresceu 5,1% em relação ao ano anterior, segundo dados preliminares divulgados pela agência.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.