-Publicidade-

Após duas semanas, Angela Merkel sai da quarentena

Merkel já retomou os trabalhos na chancelaria do país, mas respeitando as regras de distanciamento social.
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel
Foto: Martin Rulsch/Wikimedia
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel Foto: Martin Rulsch/Wikimedia

A chanceler da Alemanha ficou em isolamento em seu apartamento em Berlim após ter tido contato com médico com coronavírus

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel
A chanceler da Alemanha, Angela Merkel
Foto: Martin Rulsch/Wikimedia

A chanceler da Alemanha, Angela Merkel, retornou ao trabalho hoje de manhã depois de ficar em isolamento em casa por duas semanas. No último dia 22, ela entrou em quarentena após ter mantido contato com um médico que contraiu o coronavírus.

De acordo com a agência Deutsche Welle, Merkel vai continuar respeitando as regras de distanciamento social e governará a maior economia da Europa por videoconferência.

“Felizmente a chanceler testou negativo para o coronavírus diversas vezes. Agora o trabalho continua para o governo”, afirmou o porta-voz de Merkel, Steffen Seibert.

A governante, de 65 anos, estava isolada em seu apartamento no distrito dos museus em Berlim. Enquanto lá permaneceu, a chanceler não se afastou do comando do governo e dirigia as reuniões com seu gabinete por meio de videoconferência.

Em meio à crise causada pelo coronavírus, Angela Merkel, que comanda o país desde 2005, viu sua popularidade disparar entre os alemães.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.
R$ 19,90 por mês