Austrália libera viagens internacionais para residentes no país

Decisão ocorre depois de 18 meses de fronteiras fechadas em razão da pandemia do novo coronavírus
-Publicidade-
Scott Morrison é primeiro-ministro da Austrália
Scott Morrison é primeiro-ministro da Austrália | Foto: Reprodução/Flickr

A Austrália vai retirar a proibição de viagens internacionais para cidadãos com residência permanente no país, anunciou o governo local na terça-feira 26. A decisão ocorre depois de 18 meses de fronteiras fechadas em razão da pandemia do novo coronavírus.

A reabertura das fronteiras para trabalhadores qualificados e estudantes estrangeiros totalmente vacinados está prevista para o fim deste ano. “O plano nacional para reabrir a Austrália está funcionando porque as taxas de vacinação estão subindo muito”, disse o primeiro-ministro, Scott Morrison.

Os programas de quarentena para os residentes que chegarem à Austrália dependerão da região de entrada. Sidney, por exemplo, aboliu a medida. Entretanto, há obrigatoriedade de isolamento social de 14 dias em áreas com taxas de imunização baixas.

-Publicidade-

A Austrália chegou a 80% da população vacinada.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.