Brasileiro é condenado por invasão ao Capitólio nos EUA

Morador de Midland, no Texas, Eliel Rosa recebeu uma pena de um ano em liberdade condicional
-Publicidade-
Protestos no Capitólio em 6 de janeiro
Protestos no Capitólio em 6 de janeiro | Foto: Reprodução/Redes Sociais

Um brasileiro que participou da manifestação que culminou com a invasão do Capitólio (o prédio do Congresso dos Estados Unidos) em janeiro deste ano, em Washington, foi condenado na quarta-feira 13.

Eliel Rosa foi flagrado na sede do legislativo quando o prédio foi invadido por apoiadores do ex-presidente dos EUA Donald Trump. Ele recebeu pena de um ano em liberdade condicional, multa de US$ 500 e 100 horas de serviço comunitário.

A defesa de Rosa apresentou um memorando de 17 páginas que incluía um pedido de desculpas do brasileiro. Procurado pela imprensa americana, o brasileiro não fez comentários sobre a condenação.

-Publicidade-

Morador de Midland, no Texas, Eliel Rosa, de 53 anos, vive nos EUA desde 2016. Ele foi para Washington acompanhado de sua amiga Jenny Cudd, que também se declarou culpada. Ela tem 36 anos e foi candidata a prefeita da cidade de Midland, de acordo com o jornal Washington Post.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.