Carta com munição que seria enviada ao papa Francisco é interceptada na Itália

Envelope continha três balas de calibre 9mm e estava em um centro de triagem de Milão
-Publicidade-
Carta endereçada ao papa Francisco continha três balas de calibre 9mm
Carta endereçada ao papa Francisco continha três balas de calibre 9mm | Foto: Divulgação/Vatican News

A polícia italiana interceptou nesta segunda-feira, 9, uma carta endereçada ao papa Francisco que continha três balas de calibre 9 milímetros, informam as agências internacionais. O envelope estava em um centro de triagem de Peschiera Borromeo, na província de Milão.

A procuradora-adjunta da cidade, Alessandra Cerreti, abriu uma investigação sobre o caso. Segundo o jornal Corriere della Sera, a carta tinha mensagens relacionadas a escândalos financeiros do Vaticano e citava um julgamento iniciado na semana passada envolvendo vários réus, entre os quais o cardeal Ângelo Becciu, considerado um dos mais influentes da Santa Sé.

Leia mais: “Papa retoma audiência com fiéis 1 mês depois de ser operado”

-Publicidade-

Ainda de acordo com informações preliminares, a correspondência não tinha remetente e foi enviada da França.

Leia também: “Papa Francisco praticamente proíbe missas em latim”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro