EUA lançam ataques aéreos para apoiar forças afegãs contra o Talibã

Segundo o Pentágono, milícia controla neste momento metade dos 400 distritos do país
-Publicidade-
Estados Unidos preparam a retirada completa das tropas no Afeganistão
Estados Unidos preparam a retirada completa das tropas no Afeganistão | Foto: Kyle Davis/U.S. Army

Os Estados Unidos realizaram uma série de ataques aéreos no Afeganistão para ajudar o Exército local a reprimir uma nova ofensiva do Talibã. A informação foi divulgada na quinta-feira 22 pelo Pentágono, embora não tenham sido anunciados maiores detalhes sobre a operação militar.

“Nos últimos dias, agimos por meio de ataques aéreos para apoiar as forças afegãs”, confirmou o porta-voz do Pentágono, John Kirby. “Continuamos realizando ataques aéreos”, completou, em entrevista coletiva.

Leia mais: “Biden antecipa fim da missão militar dos EUA no Afeganistão”

-Publicidade-

Kirby disse ainda que o chefe do Comando Central do Exército norte-americano, general Kenneth McKenzie, autorizou o ataque. No dia anterior, o comandante do Estado-Maior Conjunto dos EUA, Mark Milley, afirmou que o Talibã controla neste momento metade dos 400 distritos do Afeganistão, embora não tenha tomado as principais cidades.

No início de julho, como Oeste noticiou, o presidente dos EUA, Joe Biden, anunciou a antecipação da retirada das tropas norte-americanas do país — de 11 de setembro para 31 de agosto. Segundo o Pentágono, essa retirada já está 95% concluída.

Leia também: “Com o Talibã, Afeganistão volta à ‘idade das trevas’”

Os EUA invadiram o Afeganistão após os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, que derrubaram as Torres Gêmeas do World Trade Center. A invasão ocorreu no dia 7 de outubro, menos de um mês após a ação da Al Qaeda. Osama bin Laden, líder do grupo, foi morto dez anos depois, em 2011. Desde o início da guerra, os EUA gastaram cerca de US$ 1 trilhão (R$ 5,7 trilhões) em despesas militares no Afeganistão.

Dagomir Marquezi: “Mulheres armadas contra o Talibã”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro