Índia promete acelerar vacinação contra covid-19

Apenas cerca de 3% da população recebeu as duas doses do imunizante
-Publicidade-
Índia: acelerando campanha de imunização, em meio a nova onda de infecções pelo coronavírus
Índia: acelerando campanha de imunização, em meio a nova onda de infecções pelo coronavírus | Foto: Trinity Care Foundation/Divulgação/Flickr

O primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, anunciou, nesta segunda-feira, 7, que o governo central vai adotar um papel mais agressivo na compra de imunizantes contra o novo coronavírus, em um esforço para acelerar a vacinação no país.

Recentemente, a Índia foi atingida por nova onda de covid-19, como noticiou Oeste. Nos últimos dias, o país acelerou a campanha de imunização, aplicando dose de vacina em cerca de 3 milhões de pessoas por dia. Em maio, o total de vacinados diariamente era de 1 milhão.

-Publicidade-

Leia também: “Covid-19: Índia registra o menor número de novos casos nos últimos 2 meses e cidades começam a reabrir”

Com quase 1,4 bilhão de habitantes, a Índia tem encontrado dificuldades para suprir a demanda, embora seja uma das potências globais na produção de vacinas. De acordo com a publicação digital Our World in Data, um projeto da Universidade de Oxford, apenas 3% dos indianos completaram o regime vacinal e 13% da população recebeu ao menos uma dose.

Conheça a evolução da doença no Brasil e no mundo no painel: “Os números da covid-19”

Estados e empresas particulares foram autorizados pelo governo federal a buscar vacinas no exterior, mas muitos fabricantes estrangeiros preferem negociar com a administração central, informa uma reportagem do jornal Valor Econômico.

Um acordo entre a norte-americana Johnson & Johnson e a India Biological, fechado em 2020, vai permitir que a empresa farmacêutica local fabrique, nos próximos meses, 600 milhões de doses da vacina de aplicação única contra a covid-19.

Leia também: “Variante indiana pode ser até 40% mais contagiosa, segundo Reino Unido”

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site