Inglaterra impõe quarentena a quem chega do Brasil

Brasileiros terão de ficar isolados em hotel por 14 dias
-Publicidade-
Governo inglês impõe quarentena
Governo inglês impõe quarentena | Foto: Artem Kniaz/Unsplash

O Brasil e mais 32 países entraram para a “lista vermelha” da Inglaterra, informa o portal DW. A partir desta segunda-feira, 15, viajantes brasileiros (e de outras localidades) serão obrigados a cumprir período de quarentena ao desembarcar em solo inglês. Eles terão de permanecer por 14 dias isolados em hotel.

Leia mais: “Covid-19: ministra do Peru renuncia depois de reconhecer ter furado a fila da vacinação”

Esses viajantes não ficarão em qualquer estabelecimento, ressaltam autoridades inglesas. Eles serão encaminhados para hotéis montados especificamente para estrangeiros em período de quarentena sumária. Durante o confinamento, as pessoas serão monitoradas. De acordo com o governo local, a intenção é tentar conter o contágio na Inglaterra por diferentes variantes do coronavírus, como as identificadas no Brasil e na África do Sul.

-Publicidade-

Por meio de nota divulgada à imprensa, o ministro da Saúde do Reino Unido, Matt Hancock, defendeu a adoção da medida. Para ele, a ação ajudará a “impulsionar o sistema de quarentena e fornecer uma nova camada de segurança na fronteira contra as novas variantes”.

A imposição de confinamento ocorre no momento em que o Reino Unido aparece, na quinta posição geral, na lista de países com mais mortes por covid-19 por milhão de habitantes. A proporção de óbitos por milhão de habitantes em decorrência da doença está em 1.720, conforme mostra o painel atualizado diariamente pela equipe do site da Revista Oeste. Um dos alvos da nova medida, o Brasil nem aparece no top 10 do ranking de mortes por milhão.

Voos cancelados

Enquanto a Inglaterra obriga brasileiros a cumprir isolamento social, a Itália decidiu prorrogar a proibição de voos do Brasil. Também tendo o combate à covid-19 como justificativa oficial, a restrição foi anunciada em 16 de janeiro. No último dia 30, ela foi renovada. E agora, mesmo depois de mudança de primeiro-ministro, o país europeu prorrogou novamente a restrição a voos do Brasil, conforme destaca a agência de notícias Ansa.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.