Líbano ordena prisão domiciliar a funcionários de porto

Região portuária da capital Beirute foi atingida ontem por explosão
-Publicidade-
Foto: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM
Foto: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM | líbano - explosão no líbano - prisão domiciliar - beirute

Região portuária da capital Beirute foi atingida ontem por explosão

líbano - explosão no líbano - prisão domiciliar - beirute
Foto: REPRODUÇÃO/INSTAGRAM

Com 135 mortos e mais de 4 mil feridos, de acordo com informações divulgadas até o momento, o Líbano vê medida ser tomada contra funcionários do porto de Beirute, onde explosão ocorreu ontem. Isso porque o governo local ordenou prisão domiciliar aos profissionais que trabalhavam no local.

-Publicidade-

Leia mais: “Imagens registram explosão no Líbano”

A decisão governamental atinge todos os funcionários das áreas de armazenamento e segurança do porto de Beirute, capital e maior cidade do país do Oriente Médio, conforme destaca a agência de notícias Reuters. Nesse sentido, eles ficarão sob supervisão do Exército libanês. Por ora, não foi divulgado o número de pessoas estão sob prisão domiciliar por causa da explosão.

O governo do Líbano informa que a medida visa auxiliar identificar os responsáveis pela explosão. Assim, posteriormente outras punições poderão ser adotadas pelas autoridades locais.

Causa do acidente

Num primeiro momento, a causa do acidente foi atribuída a um navio carregado de fogos de artifício. Depois, no entanto, foi divulgado pela imprensa internacional de que material “altamente explosivo” estava armazenado no porto de Beirute. De acordo com o o governo local, tal material era composto por 2,7 mil toneladas de nitrato de amônio, produto químico usado em fertilizantes e bombas.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.