Na pandemia, migração ilegal de brasileiros para os EUA bate recorde

Desde agosto do ano passado, 47,4 mil foram detidos tentando atravessar a fronteira do México
-Publicidade-
O governo americano solicitou ao Brasil autorização para ampliar a frequência de voos de deportação ao país | Foto: Divulgação/Casa Branca
O governo americano solicitou ao Brasil autorização para ampliar a frequência de voos de deportação ao país | Foto: Divulgação/Casa Branca

A migração ilegal de brasileiros para os Estados Unidos (EUA) bateu recorde durante a pandemia. Entre os meses de outubro de 2020 e agosto de 2021, foram detidos 47,4 mil migrantes que saíram do Brasil com destino ao país norte-americano. É mais do que a soma dos 14 anos anteriores, quando 41 mil tentaram entrar ilegalmente, de acordo com o Policiamento de Alfândega e Imigração dos EUA.

Há 18 meses, a emissão de vistos americanos de turistas para brasileiros está suspensa, efeito da crise sanitária mundial, agravando o impacto. Sem visto, os brasileiros passaram a usar rotas ilegais (atravessando a fronteira com o México), onde atuam os coiotes. Para deixar o Brasil, muitas pessoas saem principalmente do Acre, de Mato Grosso, de Rondônia e de Minas Gerais.

O governo americano solicitou ao Brasil autorização para ampliar a frequência de voos de deportação ao país, com três viagens semanais de deportados. Atualmente, há autorização para uma por semana. O Itamaraty concordou com dois voos semanais. A nova periodicidade de brasileiros deportados está prevista para entrar em vigor neste mês. No final de maio, os EUA enviaram ao Brasil o primeiro voo fretado para deportar imigrantes brasileiros desde o início do governo Biden.

-Publicidade-

Leia também: “A cavalo, agentes de fronteira dos EUA perseguem imigrantes haitianos com rédeas”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.