Novo primeiro-ministro do Haiti assume e pede ‘unidade nacional’

Ariel Henry substitui Claude Joseph, que renunciou ao cargo em meio a pressões da comunidade internacional
-Publicidade-
Ariel Henry, que assumiu o comando do governo do Haiti, havia sido indicado pelo presidente assassinado Jovenel Moïse
Ariel Henry, que assumiu o comando do governo do Haiti, havia sido indicado pelo presidente assassinado Jovenel Moïse | Fonte: Divulgação/Gabinete do primeiro-ministro do Haiti

O novo primeiro-ministro do Haiti, Ariel Henry, assumiu o cargo nesta terça-feira, 20, em meio à crise política vivida pelo país desde o assassinato do presidente Jovenel Moïse, no dia 7 de julho. O premiê assumiu o posto que vinha sendo ocupado por Claude Joseph, contestado pela comunidade internacional.

Joseph renunciou ontem ao cargo e abriu espaço para Henry, que já havia sido indicado para o posto por Moïse dois dias antes de sua morte. Em seu discurso de posse, o primeiro-ministro pediu união às diversas correntes políticas do país.

Leia mais: “Primeiro-ministro indicado por Moïse deve assumir o comando no Haiti”

-Publicidade-

“Lanço um apelo solene à unidade nacional, à união de nossas forças e à cooperação de todos, para frear essa corrida do país para o abismo, para subirmos a encosta e protegermos o nosso país dos múltiplos perigos que o ameaçam”, afirmou Henry em pronunciamento transmitido em rede nacional.

Leia também: “Viúva de presidente assassinado do Haiti volta ao país com colete à prova de bala”

Segundo o novo premiê, “a própria existência do Haiti enquanto nação está em perigo”. Ele também falou sobre as investigações a respeito do assassinato de Moïse. “Os culpados e seus mandantes responderão pelos atos na Justiça haitiana”, disse. O funeral do ex-presidente ocorrerá na sexta-feira 23.

Leia também: “Embaixadores pedem que Haiti seja liderado por primeiro-ministro afastado do poder”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site