OMS: varíola dos macacos pode ser eliminada na Europa

A desaceleração no continente já havia sido observada no boletim epidemiológico da semana passada
-Publicidade-
Hans Kluge, diretor regional da OMS para a Europa
Hans Kluge, diretor regional da OMS para a Europa | Foto: Reprodução

Com mais uma queda significativa do contágio, a Organização Mundial da Saúde (OMS) informou, na terça-feira 30, que o surto de varíola dos macacos pode ser eliminado na Europa. “Há indícios encorajadores que sugerem que o surto epidêmico está desacelerando, principalmente na França, na Alemanha, em Portugal, na Espanha, no Reino Unido e em outros países”, comunicou o diretor regional da OMS para a Europa, Hans Kluge.

A desaceleração no continente já havia sido observada no boletim epidemiológico da semana passada, apesar de ainda haver crescimento do contágio em outras localidades.

Mesmo assim, a prevenção deve continuar e, até mesmo, ser intensificada. “Acreditamos que podemos eliminar a transmissão da doença entre humanos na região”, declarou Kluge, em entrevista coletiva. “Para avançar até a eliminação, precisamos urgentemente intensificar esforços.”

-Publicidade-

De acordo com autoridades da OMS, entre os fatores da desaceleração está a detecção precoce, o que faz o paciente se isolar antes e diminuir a chance de propagar a doença.

A gerente de incidentes de varíola dos macacos da OMS na Europa, Catherine Smallwood, disse que a organização tem “algumas evidências boas” de que o principal grupo de risco, os gays, tem informações suficientes para evitar a propagação da doença.

Alguns países também já começaram a vacinação de grupos específicos, como os homossexuais masculinos. A segurança da única vacina disponível — de um fabricante dinamarquês — foi atestada por órgãos que analisaram o produto e a eficácia na prevenção não é conhecida com precisão, mas pode ser superior a 85%.

Na semana passada, o escritório regional da OMS para a Europa publicou uma série de recomendações sobre a varíola dos macacos. A organização insiste sobre medidas de vigilância e isolamento dos casos, identificação de contatos, sensibilização das populações mais expostas.

A varíola dos macacos foi declarada emergência global de saúde pela OMS em julho. Até agora, passam de 41 mil casos, com 12 mortes. No Brasil, são aproximadamente 4,4 mil casos.

Não se trata de uma doença grave: se detectada precocemente, tem tratamento e cura.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários Ver comentários

  1. Está muito fácil escolher nossos candidatos em 2022:

    Rosangela Moro (4400)
    Candidata a Deputafo Federal por SP

    Deltan Dallagnol (1919)
    Candidato a Deputafo Federal pelo Paraná.

    Sérgio Moro (444)
    Candidato a Senador pelo Paraná

    Janaína Paschoal (287)
    Candidata a Senadora por São Paulo

    Tarcísio Freitas (10)
    Candidato a Governador de SP

    Ratinho Junior (55)
    Candidato a Governador do Paraná

    Jair Bolsonaro (22)
    Candidato à Presidência da República

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.