UE vai comprar 300 milhões de doses da vacina da Pfizer

Também o bloco firmou parceria com o imunizante em desenvolvimento pela Universidade de Oxford
-Publicidade-
Foto: Divulgação/Pfizer
Foto: Divulgação/Pfizer | Foto: Divulgação/Pfizer

O bloco também firmou parceria com o imunizante em desenvolvimento pela Universidade de Oxford

ue
A Espanha será o primeiro país do bloco a receber o imunizante | Foto: Divulgação/Pfizer

Na terça-feira 10, a União Europeia (UE) anunciou um acordo para adquirir 300 milhões de doses do protótipo de vacina desenvolvido pela farmacêutica Pfizer. Conforme noticiou Oeste, a empresa garante que seu produto tem 90% de eficácia contra o coronavírus. A companhia desenvolve o imunizante em parceria com o laboratório alemão BioNTech. O contrato está pronto e deve ser assinado pelos integrantes da UE nos próximos dias.

-Publicidade-

A Espanha será o primeiro membro do bloco a receber o imunizante e, na sequência, a Itália. Os dois países foram gravemente afetados pelo surto de covid-19. Além do novo acordo, a UE já tem parceria firmada com outras pesquisas, incluindo a da Universidade de Oxford. Coordenado por cientistas do Reino Unido, o estudo é um dos mais avançados e se tornou a principal aposta do governo Jair Bolsonaro, que mandou comprar milhões de doses.

Leia também: “A verdade sobre a ‘vachina'”, reportagem publicada na edição n° 32 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.