Após ataque hacker, unidades da JBS param nos EUA

Braço australiano do conglomerado também foi afetado
-Publicidade-
Imagem de carnes à venda | Foto: Jacques Lepine/Estadão Conteúdo
Imagem de carnes à venda | Foto: Jacques Lepine/Estadão Conteúdo

Fábricas da JBS nos Estados Unidos ficaram sem operar nesta terça-feira, 1º, depois que a empresa relatou um ataque cibernético no fim de semana. Na segunda-feira 31, o braço australiano do conglomerado já havia sido afetado.

Segundo informações obtidas pela agência Reuters, dois turnos de abate foram cancelados na fábrica de carne bovina da JBS em Greeley, Colorado. A JBS Beef em Cactus, Texas, não funcionou nesta terça-feira. Uma fábrica de suínos da JBS em Ottumwa, Iowa, também não está realizando abates.

-Publicidade-

Leia mais:  “Vinícolas brasileiras registram aumento nas vendas no primeiro quadrimestre de 2021”

A JBS informa que desde que notou o ataque “tomou medidas imediatas, suspendendo todos os sistemas afetados, notificando as autoridades e ativando a rede global da empresa de profissionais de TI e especialistas terceirizados para resolver a situação”. A nota foi divulgada pelo site especializado Beef Central.

A empresa destaca que não tem conhecimento de nenhuma evidência neste momento de que dados de clientes, fornecedores ou funcionários tenham sido comprometidos ou utilizados indevidamente. “A resolução do incidente levará tempo, o que pode atrasar certas transações com clientes e fornecedores”, afirma.

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site