Bolsonaro se encontra com Lira: ‘Não tem problema nenhum entre nós’

Declaração ocorre após Lira subir o tom contra o governo e informar que estava "apertando um sinal amarelo para quem quiser enxergar"
-Publicidade-
Encontro entre Jair Bolsonaro e Arthur Lira | Foto: Marcos Corrêa/PR
Encontro entre Jair Bolsonaro e Arthur Lira | Foto: Marcos Corrêa/PR

O presidente Jair Bolsonaro se encontrou nesta quinta-feira, 25 com o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), e fez questão de levar o deputado até a saída do Palácio do Planalto. Em rápida fala à imprensa, Bolsonaro garantiu que não há nenhum problema entre os dois.

Na quarta-feira 24, Lira subiu o tom contra o governo e informou que estava “apertando um sinal amarelo para quem quiser enxergar”. Ele ainda disse que “os remédios políticos no Parlamento são conhecidos e são todos amargos. Alguns, fatais”.

-Publicidade-

Leia mais: “Mourão, sobre 300 mil mortos por covid-19: ‘Já ultrapassou o limite do bom senso’”

“Eu conversei com o Lira, não tem problema nenhum entre nós, zero problema”, disse Bolsonaro. Segundo ele, os dois conversaram “sobre muitas coisas”: “O que nós queremos, juntos, é buscar maneiras de contratarmos mais vacinas. É, na ponta da linha, fazer que cheguem as informações de que as vacinas estão sendo realmente aplicadas”.

O discurso de Lira no dia anterior foi interpretado como uma pressão para a saída do ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo. Mais cedo, inclusive, o chanceler brasileiro pediu para se reunir com Lira, o que ocorreu na residência oficial da Presidência da Câmara. Questionado por jornalistas sobre a eventual saída de Araújo, Bolsonaro não respondeu.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

5 comentários

  1. Sr. Lira, a Camara Federal que o Sr. preside não é uma instituição séria e respeitada pelos cidadãos de bem. O sr. mesmo tem rabo preso com corrupção e protagonizaram a pouco tempo um dos fatos mais constrangedores da história do legislativo federal se ACADELANDO PARA O STF, com 364 dos seus membros se assumindo como cadelinhas do STF levantando o rabinho. QUE VERGONHA.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.