Conselhão do MP julga Dallagnol nesta terça-feira

Procurador anunciou na última terça, 1º, que deixaria a força-tarefa da Lava Jato para ter mais tempo para cuidar da saúde da família
-Publicidade-
Procurador da República Deltan Dallagnol | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Procurador da República Deltan Dallagnol | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Procurador anunciou na última terça, 1º, que deixaria a força-tarefa da Lava Jato para ter mais tempo para cuidar da saúde da família

Dallagnol
Procurador da República Deltan Dallagnol | Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) julga nesta terça, 8, dois processos disciplinares contra o procurador Deltan Dallagnol, que na semana passada anunciou sua saída da força-tarefa da Lava Jato no Paraná.

-Publicidade-

As ações haviam sido travadas em agosto pelo ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, mas foram liberadas na última sexta, 4, pelo ministro Gilmar Mendes.

Ele atendeu a um recurso da Advogacia-Geral da União que alertou sobre o risco de os processos contra Deltan prescreverem sem que fossem julgados e garantiu que a defesa do procurador teve todo o direito de se defender.

LEIA MAIS: “Quem vai mandar na Lava Jato?”, reportagem de capa da presente edição da Revista Oeste

Ao revogar a liminar do decano, Mendes apontou o risco de prescrição envolvendo os dois processos contra Deltan. O prazo de ambos se encerra na próxima quinta, 10, e Celso de Mello só iria retornar de licença médica na sexta.

“O não julgamento de um réu eventualmente culpado configura situação mais grave do que o julgamento e a absolvição de um réu eventualmente inocente”, escreveu Gilmar, provocando fortes reações da força-tarefa da Lava Jato.

Nos bastidores, conselheiros avaliam que Dallagnol deve sofrer censura — punição que, na prática, dificulta a promoção do procurador ou benefícios de carreira dentro da Procuradoria.

A condenação, se ocorrer, também constará na ficha de Deltan Dallagnol caso ele seja julgado novamente no Conselhão, que poderá aplicar penas mais duras.

O procurador anunciou na última terça, dia 1º, que deixaria a força-tarefa da Lava Jato para ter mais tempo para cuidar da saúde de sua filha.

Processo de Renan Calheiros

O processo aberto pelo senador Renan Calheiros (MDB-AL) acusa Dallagnol de supostamente influenciar a eleição para a presidência do Senado no ano passado, quando o procurador fez críticas a Calheiros, que disputava o cargo, nas redes sociais.

A disputa foi vencida pelo atual presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

CNMP
Sede do CNMP, em Brasília | Foto: Afonso Marangoni/Revista Oeste

Processo de Kátia Abreu

O caso apresentado pela senadora Kátia Abreu (PP-TO), por sua vez, questiona o acordo firmado pela Lava Jato no Paraná com a Petrobras para destinar R$ 2,5 bilhões recuperados pela operação e que seriam geridos por uma fundação dos procuradores.

STF

Após Gilmar Mendes liberar o julgamento, integrantes da força-tarefa da Lava Jato no Paraná, incluindo o futuro coordenador do grupo, Alessandro Oliveira, destacaram que a condenação de Dallagnol significaria uma ‘violação à liberdade de expressão’ de membros do Ministério Público.

Com informações do Estadão Conteúdo.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

  1. A QUE PONTO CHEGAMOS: O BANDIDO PRENDENDO O XERIFE.SÓ NO BRASIL, RENANN FALA PELOS COTOVELOS COM ANUENCIA DA “”JUSTIÇA””, POIS DEVERIA FALAR SOMENTE ALGEMADO E NA PRESENÇA DE ADVOGADOS JUNTAMENTE COM TODA CAMARILHA DO PT/PSDB/PDT/PSOL
    AI A JUSTIÇA MANDA SOLTAR TODOS OS LADROES/CORRUPTOS E COMO DELTAN FUSTIGOU O EGO DO STF MERECE SER CONDENADO PAR ALEGRIA DE LULA E CIA.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.