Cidadania declara apoio a Lula no segundo turno

Informação foi confirmada pelo presidente nacional do partido, Roberto Freire
-Publicidade-
Lula receberá o apoio do Cidadania
Lula receberá o apoio do Cidadania | Foto: André Ribeiro/Futura Press/Estadão Conteúdo

O presidente nacional do Cidadania, Roberto Freire, anunciou nesta segunda-feira, 3, que seu partido apoiará o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno das eleições deste ano.

“Encaminhei à Executiva Nacional, que se reúne nesta terça-feira, às 12 horas, posicionamento a favor de que o partido declare apoio a Lula no segundo turno”, escreveu Freire, em nota oficial.

O presidente do Cidadania valorizou o resultado conquistado por Simone Tebet (MDB), que tem aliança com seu partido, no primeiro turno das eleições presidenciais. “Contra a descrença de muitos, nossa candidata cumpriu o papel de discutir o Brasil e as soluções para os problemas que afligem os brasileiros: fome, desemprego, inflação alta, estagnação econômica, entre outros”, observou. “Simone emerge como uma liderança nacional, que terá voz ativa e participação nos processos decisórios que terão desenlace a partir desta terça-feira e se aprofundarão a partir de 31 de outubro de 2022. A Justiça Eleitoral e nossas instituições saem fortalecidas.”

-Publicidade-

Zema escolhe Bolsonaro

O governador de Minas Gerais (MG), Romeu Zema (Novo), declarou apoio à reeleição do presidente Jair Bolsonaro (PL). A revelação foi feita durante entrevista à CNN Brasil.

“Sabemos que, no passado, o PT foi uma grande tragédia em MG”, afirmou o governador reeleito. “Foi uma das gestões mais desastrosas que o Estado já teve. Como sou mineiro e senti na pele esse desastre, tenho a obrigação de combater um governo que causou danos enormes não só ao Estado, mas também a cidades grandes, como Uberlândia e Pouso Alegre, que tiveram tragédias nas gestões do PT.”

A partir desse cenário, Zema decidiu apoiar a candidatura do atual presidente da República. “Meu grande objetivo é combater o PT”, salientou. “Não concordo totalmente com as pautas do governo federal, mas estarei, provavelmente em um ou dois dias, acertando [o apoio] ao lado do presidente Bolsonaro e evitando que o desastre do passado se repita.”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários Ver comentários

  1. Roberto é passado; o presente é Zema.
    Zema ressucita o novo com esta atitude. Parabéns. Acho que o catarina aqui vai votar no Zema também um dia

  2. QUEM VOTOU NO LULA LADRÃO? ONDE ESTAVA ESSE ELEITOR?
    ORA, ORA, SENHORES, ESSE RESULTADO É INACEITÁVEL E NÃO TEM LÓGICA ALGUMA. QUEM VOTOU NO LULA LADRÃO? DE ONDE SAIU ESSE ELEITOR QUE DEU O VOTO AO LULA, SENÃO DE UMA URNA ELETRÔNICA?
    COMO ALGUÉM PODE ACEITAR OU JUSTIFICAR UMA VANTAGEM DE VOTOS DO LULA LADRÃO SOBRE O PRESIDENTE BOLSONARO, SE ERA O PRESIDENTE BOLSONARO QUEM MOBILIZAVA MULTIDÕES?
    ORA, ORA, SENHORES, TUDO FOI MUITO BEM ARQUITETADO, PLANEJADO, PARA QUE OS BRASILEIROS SE CONFORMEM DIANTE DESSE ABSURDO QUE É VER UM LADRÃO, QUE NÃO MOBILIZA NINGUÉM EXCETO O PARTIDO DOS TRABALHADORES (SIGLA DE ORGANIZAÇAO CRIMINOSA), TER VANTAGEM DE VOTOS, SEM QUE ESSA VANTAGEM SE EXPLIQUE NA REALIDADE.
    A FARSA FOI CONSTRUÍDA PARA ISSO. DESDE AS CARTINHAS PELA DEMOCRACIA, PASSANDO PELO DEPOIMENTO EXPLICITO DE ADESÃO DE QUEM SE ACHAVA IMPORTANTE; PASSANDO PELA FRAUDE DAS PESQUISAS ELEITORAIS EM ABSOLUTA DESCONFORMIDADE COM A REALIDADE; PASSANDO PELO MASSACRE DO PRESIDENTE BOLSONARO, PERPETRADO PELOS AGENTES DO STF E DO TSE, MEDIANTE DESENCADEAMENTO MACIÇO DE PROCESSOS E FALSOS ESCÂNDALOS CONTRA O PRESIDENTE BOLSONARO: PASSANDO PELA PROIBIÇÃO DE UTILIZAÇÃO DE IMAGEM DO POVO NAS RUAS, TUDO FOI CONSTRUÍDO PARA SE CHEGAR A ESSE RESULTADO.
    MAS TEM MAIS.
    NÃO ESTRANHA O NÚMERO DE URNAS ELETRÔNICAS COM DEFEITO E SUBSTITUÍDAS ÀS PRESSAS, SEM O ACOMPANHAMENTO E FISCALIZAÇÃO, COMO SE FOSSEM VERDADEIROS CAVALOS DE TROIA?
    E OS ELEITORES QUE AO SE DIRIGIREM ÀS SEÇÕES ELEITORAIS PARA VOTAR, DESCOBRIRAM QUE ALGUÉM JÁ HAVIA VOTADO POR ELES?
    ISSO VAI FICAR ASSIM MESMO, COM LERO LERO E MIMIMI?

  3. O cidadania é o antigo partido comunista que mudou de nome depois da queda da união soviética, mas as ideias são as mesmas, portanto nenhuma novidade nesse apoio ao esquema criminoso de poder.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.