Jornal Nacional: o que estava escrito na mão de Bolsonaro

Presidente não conseguiu abordar os temas
-Publicidade-
O presidente Jair Bolsonaro, durante entrevista ao <i>Jornal Nacional</i> - 22/08/2022 | Foto: Reprodução/TV Globo
O presidente Jair Bolsonaro, durante entrevista ao Jornal Nacional - 22/08/2022 | Foto: Reprodução/TV Globo

Durante a entrevista ao Jornal Nacional, o presidente Jair Bolsonaro levou uma “colinha” na mão esquerda. O chefe do Executivo, contudo, não conseguiu emplacar os temas, em virtude das perguntas dos jornalistas. “Nicarágua, Argentina, Colômbia e Dário Messer” eram os nomes escritos por Bolsonaro.

Conhecido como “doleiro dos doleiros”, Messer disse ao Ministério Público do Rio de Janeiro que fazia três repasses mensais à família Marinho. Ele declarou que os valores variavam entre US$ 50 mil e US$ 300 mil por remessa. A informação foi divulgada pela revista Veja, em 14 de agosto de 2020.

Sobre a Nicarágua, o presidente tem o hábito de citá-la como exemplo de perseguição religiosa. Na semana passada, o ditador do país, Daniel Ortega, mandou prender um bispo durante uma missa e fechar emissoras católicas.

-Publicidade-

A Argentina é outro tema que Bolsonaro gosta de mencionar. Isso porque o governo dos peronistas Alberto Fernández e Cristina Kirchner simpatiza com Lula. A inflação anual do país deve ultrapassar 90% até o fim deste ano.

Já a Colômbia diz respeito ao novo presidente, Gustavo Petro, de extrema esquerda. Na semana passada, o chefe do Executivo mudou a cúpula das Força Armadas e defendeu os militares em uma “posição pacífica”. Além disso, Petro anunciou mais “diálogo” entre seu governo e as guerrilhas do narcotráfico.

Jornal Nacional vai receber, depois de Bolsonaro, o ex-ministro Ciro Gomes (PDT-CE), o ex-presidente Lula (PT) e Simone Tebet (MDB-MS).

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

25 comentários Ver comentários

  1. Sou eleitor de Bolsonaro , e tenho certeza de que estou fazendo a coisa certa de novo pelo nosso país . Mas mesmo querendo dar audiência na entrevista do PR, não consegui colocar no canal da Globolixo na hora da entrevista . Não consigo assistir nada nessa tv.

  2. A meu ver o Presidente cometeu duas falhas na sabatina do JN.
    1- Ao ser chamado pelos calhordas de “candidato”, deveria ter respondido: “pelo menos até o dia 31/12 serei o Presidente da República e é em respeito aos quase 58 milhões de votos que eu recebi que gostaria que vocês se endereçassem a mim como Presidente. Candidato é aquele que foi descondenado por erro de CEP”
    2- Quando o pulha Bonner afirmou que as urnas são “auditáveis”, o Presidente deveria ter dito: “não é o que afirma a Polícia Federal”.
    Do resto, foi um banho.

  3. Bonoro é surpreendente!! Mesmo sem querer “querendo”, provocou a IRA da Globe com sua cola na mão. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. Como esperado foi uma entrevista padrão Globo, monótona e totalmente tendenciosa para tentar destruir um mito da política.

    Bolsonaro se saiu muito bem, e cumpriu sua obrigação com seus eleitores, e agora está livre para visitar o jornalismo de mais alto nível.

    A única pergunta que ele devia ter feito ao casal vale tudo seria se a Renata ainda ganha menos que Boné.

  5. Realmente, se pudessem voltar no tempo para a idade média, Bonner e Renata dariam ótimos inquisidores.
    Que dupla mais sem noção!!!!

  6. Obviamente nao precisaria de cola para esses assuntos. O presidente escreveu isso na mao e deixou que vissem, pq sabia que os ” inventores de narrativas” da globolixo nao dariam oportunidade dele falar sobre isso. Agora todo mundo ta comentando esses assuntos.

  7. Nas mídias corre solto que a caneta bic, na verdade, previniu com letras maiúsculas, que não mandasse seus arremedos de jornalistas ir tomar no ….

  8. Kkk… Bolsonaro comparece numa entrevista da Globo e arrasa (e bate recorde de audiência). Já outros não comparecem em programas do nível de Os Pingos Nos Is para não serem arrasados.

  9. É a escolinha do professor bonner. O sonho deles era ser artistas da grobo, mas só conseguiram vaga como apresentadores de notícias. Agora já tem um quadro onde podem fazer caras e bocas em cenas de dramatização.

  10. Isso não foi uma entrevista, foi uma tentativa de impor ao interlocutor fatos consumados que só existem na cabeça dos “entrevistadores”.

    1. Também não assisto essa porcaria há muitos anos, sempre trataram o jornalismo como entretenimento, parece que não se desviaram do caminho, o jn mais parece capítulo de novela.

  11. Espero que o “demo” consiga perceber o que tentaram fazer com o presidente Bolsonaro, ontem . Tentaram massacrá-lo. Não conseguiram. Pimpões, isso sim.
    Confesso que fiquei envergonhada pelo senhor Bonner e por Dona Renata: venderam-se por 30 dinheiros!

  12. Bolsonaro demonstrou equilíbrio e muita calma durante a “entrevista”, que mais parecia tribunal da inquisição . Não caiu nas armadilhas daqueles dois palhaços. Ponto pro mito!

  13. Logo que a dupla de estagiários via que o presidente estava se saindo bem na resposta , tratavam de interromper e mudar a pergunta . Mas não perguntaram sobre assuntos importantes para o país , só “disse me disse” para tentar confundir, intrigar e irritar o presidente que não caiu na armadilha e saiu-se muito bem.

  14. Será que essa dupla asquerosa do JN da Globolixo será tão incisiva com os demais candidatos como foram com o Bolsonaro? Será que perguntarão pro Luladrao se ele vai roubar novamente a Petrobras e demais estatais? E para a Simone Tebet por que ela se calou quando na CPI da COVID humilharam as médicas que ali foram depor? E o Ciro, vão perguntar se ele é como o irmão dele que pega uma escavadeira e parte pra cima do povo? Duvido.

  15. Vamos ver como serão os questionamentos ao blindadão-mor da Republica. Serão citados no interrogatório o AeroLula, o Petrolão, o Mensalão, os fundos de pensão, o triplex de Guarujá, o sítio de Atibaia entre outros ?

  16. Não deixaram Presidente concluí as respostas! Interrompiam sempre o desempenho e atrapalhavam o assunto.
    Assim é complicado .
    Mesmo assim o Presidente se saiu muito bem, no que foi possível.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.