Eleições 2022: mais de mil crimes eleitorais foram registrados

Boca de urna e compra de votos foram os crimes mais registrados
-Publicidade-
Foto: Roberto Jayme/Ascom TSE
Foto: Roberto Jayme/Ascom TSE | Foto: Roberto Jayme/Ascom TSE

O Ministério da Justiça e Segurança Pública registrou 1.378 crimes eleitorais durante o dia de votação no primeiro turno das eleições, que ocorreu neste domingo, 2.

Segundo os agentes de segurança pública, o crime eleitoral mais comum foi a boca de urna, propaganda feita aos eleitores que se dirigem à seção eleitoral, no dia da votação, para conseguir votos para seu candidato ou partido. Ao todo foram registrados 456 ocorrências em 26 Estados e no Distrito Federal.

Com 95 ocorrências, a compra de votos ficou em segundo lugar. Também foram registrados 80 casos de tentativa ou violação do sigilo do voto, quando o eleitor acaba divulgando foto da urna. Ainda neste primeiro turno, o Ministério da Justiça registrou 352 prisões e apreendeu R$ 137 mil.

-Publicidade-

Os institutos Ipec, Datafolha e Quaest não farão a tradicional pesquisa de boca de urna. Trata-se da primeira vez que o levantamento não será realizado desde 1989. A pesquisa era feita com eleitores nas portas das seções eleitorais, e o resultado era divulgado após o fim da votação, às 17 horas.

Em 2018, o ex-Ibope (agora Ipec) foi o único a realizar a pesquisa de boca de urna. O motivo é o alto custo dos estudos e a agilidade do sistema da Justiça Eleitoral, segundo os institutos.

“Na hora que o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) divulgar a primeira parcial, já vai ser uma quantidade de votos muito maior do que qualquer pesquisa de boca de urna que a gente possa fazer”, explicou a diretora do Ipec, Marcia Cavallari.

Urnas substituídas

Em boletim divulgado no fim da manhã do domingo 2, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) informou que 1.374 urnas eletrônicas precisaram ser substituídas em todo o país.

O número de urnas substituídas representa 0,29% do total dos 472.075 modelos utilizados nas eleições no primeiro turno. Outras 105.050 são urnas de contingência.

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.