Moraes autoriza Jefferson a ir para hospital, mas com tornozeleira

Presidente do PTB foi diagnosticado com pielonefrite aguda bilateral, uma infecção que atinge os rins
-Publicidade-
Presidente do PTB, Roberto Jefferson | Foto: TV PTB/Reprodução
Presidente do PTB, Roberto Jefferson | Foto: TV PTB/Reprodução

O ministro do Supremo Tribunal Federal Alexandre de Moraes autorizou neste sábado, 4, o presidente nacional do PTB, Roberto Jefferson, a deixar a prisão para se submeter a tratamento médico em um hospital particular do Rio de Janeiro.

O ex-deputado está preso desde 13 de agosto, no âmbito do inquérito que investiga supostas milícias digitais. Ele chegou a passar mal, foi atendido e diagnosticado com pielonefrite aguda bilateral, uma infecção que atinge os rins.

Leia mais: “Carla Zambelli é intimada pela PF a depor antes de 7 de setembro”

-Publicidade-

Diante disso, a defesa pediu ao Supremo para o ex-deputado ser transferido para um hospital de sua confiança. Na quinta-feira 2, Moraes exigiu um laudo médico para autorizar a transferência.

“Autorizo a sua saída imediata do estabelecimento prisional, somente após a instalação de tornozeleira eletrônica, tão somente para tratamento médico, a ser realizado no Hospital Samaritano Barra”, escreveu o ministro neste sábado.

Alexandre de Moraes deixou claro que, mesmo possibilitando o tratamento médico, a prisão preventiva de Jefferson está mantida. Segundo o ministro, a medida é “necessária e imprescindível à garantia da ordem pública e à instrução criminal”.

Medidas cautelares

O ex-deputado ficará submetido a uma série de medidas cautelares:

  1. Monitoramento eletrônico, com área de inclusão tão somente no endereço do Hospital Samaritano Barra;
  2. Proibição de receber visitas sem prévia autorização judicial, à exceção de seus familiares, observadas as regras
    hospitalares;
  3. Proibição de ter qualquer forma de acesso ou contato com os investigados nos Inquéritos 4.874/DF e 4.879/DF;
  4. Proibição de frequentar ou acessar, inclusive por meio de sua assessoria de imprensa, ou qualquer outra pessoa, as
    redes sociais apontadas como meios da prática dos crimes a ele imputados;
  5. Proibição de conceder qualquer espécie de entrevista sem prévia autorização judicial.

“Destaco que o descumprimento injustificado de quaisquer dessas medidas ensejará o retorno ao estabelecimento prisional”, escreveu o magistrado.

“Ajudem-me a sair dessa jaula”, diz Jefferson em nova carta

Na sexta-feira 3, Jefferson, escreveu uma nova carta da prisão em que relatava o seu quadro de saúde e pedia ajuda para sair do que classificou de “jaula”.

Ele afirmou que, ao ser preso, se deu conta de que tem “um complexo quadro clínico”. Jefferson informou não ter mais febre nem “intensas dores renais”, mas diz estar “no meio de uma infecção renal que não cede”.

“Eu gostaria, apesar de estar sendo muito bem tratado, de poder contar com a equipe multidisciplinar que me atende desde 2012”, escreveu.

Ele recordou que tem complicações em decorrência de um câncer e pediu apoio para deixar a prisão: “Por favor, meus irmãos e irmãs, ajudem-me a sair dessa jaula. Sou leão ferido, mas ainda em condições de rugir”.

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

24 comentários

  1. Além da prisão ILEGAL, vem a HUMILHAÇÃO! E o “presidente” único indivíduo que, em tese, poderia por um fim nesse abuso autoritário, passeando de moto na casa do cara***.

    1. Você é inocente? Ou maldoso? Vá para a Paulista no dia 07 e mostre ao mundo que o brasileiro é um povo e não um monte de bananas que são corajosos atrás do teclado. Em momento algum o BobJeff criticou o Presidente, simplesmente porque ele conhece o jogo.

      1. Rosa querida. Não sou inocente e nem maldoso e nem estou desafiando ninguém por detrás de um teclado, nada disso. Mas, cá prá nós e que ninguém nos ouça: Você acredita mesmo que no dia Sete de Setembro o seu Bolsonaro vai puxar a espada de sua bainha e gritar: Independência ou Morte! Para com isso, pelo amor de Deus. Você acha mesmo que no dia 08/09/2021 (poderia ser ao menos no dia 08/09/2022, onde se completam 200 anos da tal “independência”) irá raiar a liberdade no horizonte do Brasil? Não estou aqui a tentar desanimá-la mas caia na real, querida.

      2. Eu acho que com esse papo, antigo, Versiani é do PSDB. Essa turma quer desacreditar JB. Forçá-lo a fazer caca. Ou reduzir seu apoio entre a direita extremista e equivocada. Portanto, maldoso.

    2. Os brasileiros são muito idiotas, esse Roberto Jeferson nunca fez nada a não ser roubar a nação e agora vem dar uma de homem depois q prenderam ele e a filha outra , gente vão pras ruas protestar sobre os preços de remédios , alimentos , combustível e etc pare de acreditar nessa frase de presidente merda O BRASIL ACIMA DE TODOS , DEUS ACIMA DE TUDO q esses picaretas só acreditam em dinheiro

      1. Barbosa, vai pro 247 que lá vc é bem-quisto. Aqui os teus adjetivos seriam cortados e a alma de sua pobre mãe sofre.

  2. No meu tempo, aquele em que vigoravam direitos e garantias individuais, o que parece século passado, constrangimentos à liberdade podiam ser objeto de pedido de habeas corpus até em papel higiênico. Verdade isso. Qualquer estudante de Direito sabe ou deveria saber.

    1. Oh Rose, não é estância, é instância. Estância uma balneário, um local de repouso, coisas do tipo, por favor! Mas valeu o seu comentário, do qual estou plenamente de acordo.

      1. Quem não consegue se destacar em nada vem tentar aqui, estupidez tem limite.

      2. Cara, você é um típico professor de esquerda que idolatra FHC.
        Entendemos o que a Rose quis expor e pronto. O teclado é traiçoeiro com os miolos!!!
        Então, vamos todos prá Paulista, prá BSB conhecer de perto o Zé Trovão?
        Eu aqui estarei em carreata marcando um gol no Mineirão e arrematando a peleja na Praça da LIBERDADE.
        Rodrigo Pacheco saberá exatamente o perfil de quem ele está traindo.!!!

  3. Mandar um homem que está bastante doente para um hospital, vários dias após ter solicitado, com tornozeleira, isso se chama tripudiar. Quando certas pessoas tem poder, revelam um lado tão desumano que você começa a duvidar de tudo. A vida fica sem sentido.

    1. Você está completamente correta, só não concordo quando você diz que a vida fica sem sentido, isso é fraqueza de espírito.

      1. Sabe o que penso e recomendo quando leio suas lições de moral aos comentários acima? ” VÁ CHUPAR UM CÚ DE ANÚ”! Entendeu bobão?

      2. Bom dia Versiani. O professor discípulo de FHC.
        Vejo vc aqui nos comentários como um Príncipe.
        Bora lá se mostrar no dia 07/09, nos ajudando a resgatar nossa dignidade. VAMOS FOCAR CARA, NOS UNIR É O QUE ESTÁ FALTANDO!!!

  4. Sr Paulo Renato, fico feliz em saber que continua com espírito tão confiante. Para mim, vivenciando coisas tao tristes e absurdas nestes últimos tempos, realmente encontro- me bastante enfraquecida. Mas fico feliz pelos que não se abalam.

    1. Às vezes todos nós ficamos em algum momento com esse sentimento de impotência, isso é perfeitamente normal mas não desanime e acredito que tudo irá mudar. Não será de imediato mas não poderá perdurar por muito tempo esse clima de terror judiciário.

  5. Eu acho que o Moraes arregou, e mais, foi pressionado pelos outros, especialmente Gilmar. Se Jefferson morre na prisão, nego tirava aquela turma de lá a tapa.

  6. Até quando Michel Temer vai aguentar as travessuras e maldades desse seu indicado para o STF. Atenção TEMER oriente-o a interpretar o “livrinho” conforme o ensinou. Sempre é bom lembrar TEMER, que no pequeno período que substitui DILMA fez um bom governo entretanto bombardeado por FACHIN que homologou aquela forjada e fajuta delação premiadíssima formada pelo quarteto Janot/Joesley/Fachin/Globo, que imaginavam tira-lo do poder, também ardorosamente defendida por BARROSO que odiava o PMDB por ter se afastado do governo DILMA e assim se manifestou: “Meu Deus do Céu, essa é nossa alternativa de poder”, mostrando a seus alunos foto das lideranças do PMDB comemorando o afastamento. A seguir, não se considerando ‘suspeito”, foi relator do Inquérito dos Portos e prorrogou por 4 vezes as investigações da PF sob o comando de delegado por ele escolhido. Não atingiram seus objetivos porque TEMER conhece do direito constitucional e soube articular com políticos.
    É o que agora estão fazendo Alexandre de Moraes e Barroso, com o presidente Bolsonaro que seguramente Temer esta percebendo. Daí a importância de dar um basta nisso, antes que graves conflitos possam ocorrer com essa insanidade e insensibilidade de vaidosos ministros que se sentem SUPREMOS.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro