Prefeito de Curitiba desiste de multar quem doar comida aos sem-teto

Proposta previa punição financeira a quem distribuísse alimentos sem autorização da prefeitura
-Publicidade-
O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, não pretende mais multar pessoas que doarem comida aos sem-teto
O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, não pretende mais multar pessoas que doarem comida aos sem-teto | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

O prefeito Rafael Greca (DEM) informou nesta terça-feira, 6, que encaminhou à Câmara Municipal de Curitiba (CMC) uma alteração para retirar a previsão de multa a quem distribuir comida aos sem-teto sem autorização da prefeitura. Rafael Greca já havia dito, pelas mídias sociais, que a ideia tinha sido mal interpretada. A proposta, encaminhada à CMC, estabelece critérios para a distribuição de alimentos — mas um artigo específico chamou a atenção da Casa. Pela redação original do projeto, quem distribuísse alimentos em desacordo com os horários, datas e locais autorizados pelo município de Curitiba poderia ser multado de R$ 150 a R$ 550, após advertência. “Para resolver o problema de vez, mandei um substitutivo na lei de segurança alimentar e nutricional de Curitiba. Não existe mais nenhuma referência à multa”, afirmou Rafael Greca.

Leia também: “Em Curitiba, juiz proíbe manifestações”

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.
-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.