PGR renova forças-tarefas da Lava Jato

Medida é válida para as equipes do Paraná e do Rio de Janeiro
-Publicidade-
Forças-tarefas da Lava Jato: trabalhos renovados no Paraná e no Rio de Janeiro | Foto: Divulgação
Forças-tarefas da Lava Jato: trabalhos renovados no Paraná e no Rio de Janeiro | Foto: Divulgação | novo coordenador da força-tarefa da operação lava jato no paraná - procurador Alessandro José Fernandes de Oliveira - forças-tarefas da lava jato

Medida é válida para as equipes do Paraná e do Rio de Janeiro

novo coordenador da força-tarefa da operação lava jato no paraná - procurador Alessandro José Fernandes de Oliveira - forças-tarefas da lava jato
Forças-tarefas da Lava Jato: trabalhos renovados no Paraná e no Rio de Janeiro | Foto: Divulgação
-Publicidade-

O trabalho da Operação Lava Jato prosseguirá. Em decisões que serão publicadas na terça-feira, 8, a Procuradoria-Geral da República (PGR) renovará as chamadas forças-tarefas baseadas nos Estados do Paraná e do Rio de Janeiro.

Leia mais: “Companhia na qual Moro é sócio receberá milhões de alvos da Lava Jato”

Em Curitiba (PR), a decisão tomada pelo procurador-geral da República, Augusto Aras, ampliará a equipe voltada às investigações no âmbito da Lava Jato. Em nota à imprensa, a PGR destaca o fato de o Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) ser integrado ao núcleo, fazendo com que 19 membros do Ministério Público passem a fazer parte da força-tarefa local.

Na capital fluminense, a prorrogação tem — ao menos por ora — caráter provisório. Isso porque a renovação da força-tarefa tem validade inicial até 31 de janeiro de 2021. Num primeiro momento, a equipe local da Lava Jato segue a mesma: com um procurador regional da República e dez procuradores.

Leia também: “Quem vai mandar na Lava Jato?”, reportagem do editor-executivo Silvio Navarro publicada na Edição 24 da Revista Oeste.

* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias.
Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

-Publicidade-
Exclusivo para assinantes.