Servidores da EBC decidem entrar em greve

Paralisação está prevista para ocorrer a partir de 26 de novembro
-Publicidade-
EBC é conhecida como a 'TV do Lula'
EBC é conhecida como a 'TV do Lula' | Foto: Divulgação/EBC

Funcionários da Empresa Brasil de Comunicação (EBC) vão entrar em “greve por período indeterminado”, a partir de amanhã. A decisão foi tomada em assembleia, na quarta-feira 24.

Conforme o Sindicado dos Jornalistas Profissionais do Distrito Federal, a paralisação se dará em razão da “conduta recriminável da TV, que, desde 2020, não sinaliza para realização de uma efetiva negociação salarial”.

Entre outros pontos, os servidores protestaram contra “descaso patronal, as perdas salariais, a negativa da empresa em manter direitos que constam em Acordos Coletivos de Trabalho”, além das tentativas de privatização da companhia.

-Publicidade-

O presidente Jair Bolsonaro quer vender a TV. Em agosto desde ano, o chefe do Executivo incluiu a EBC no Programa Nacional de Desestatização. A empresa é federal e pública, de capital fechado.

Em linhas gerais, a EBC trabalha com a prestação de serviços de informação e radiodifusão pública. Em 2019, valia R$ 307 milhões. Têm 1,8 mil funcionários.

Raio X da EBC

A TV Brasil foi criada em dezembro de 2007, quando acabou batizada de TV Lula. Na época, a EBC ficou com o sinal da antiga TVE e a estrutura da Radiobrás — ou seja, com os bens públicos da União. Sob o guarda-chuva da EBC, também estão a Agência Brasil de notícias on-line e as rádios Nacional (AM e FM) em Brasília, Rio de Janeiro, Amazônia e Alto Solimões.

Trata-se de uma operação que custa R$ 560 milhões por ano aos cofres da União, orçamento que já foi de R$ 1,1 bilhão nos anos Lula e Dilma Rousseff — quando exibia com pompa produções feitas em Luanda (Angola), por exemplo. Atualmente, a empresa possui um quadro com 1.877 funcionários, com salário médio de R$ 11.012 — o maior valor é de R$ 48.582.

Leia também: “A EBC e sua milionária ‘TV traço'”, reportagem publicada na Edição 49 da Revista Oeste

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

11 comentários Ver comentários

  1. Não por favor, não entrem em greve, como posso continuar vivendo sem as preciosas informações desse maravilhoso meio de informação. kkkkkkkkkkkkkkkkkkk PQP

  2. Esse lixo de TV lula ladrão foi criado para servir de cabide de emprego, pensa nas tramoias que tem ali dentro. Privatizar será a cura desse mal, o duro e aguentar o loby dentro do antro do congresso para não seguir o rito dessa e outras privatizações que tanto necessitamos como: correios, Eletrobras, entre outras.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.