STF decide retomar julgamento de ação contra Ciro Nogueira

Senador e atual ministro da Casa Civil é acusado de obstruir investigações sobre suposta organização criminosa de seu partido
-Publicidade-
Faltam dois ministros para votar
Faltam dois ministros para votar | Foto: Gabriela Biló/Estadão Conteúdo

A Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal retoma nesta sexta-feira, 13, o julgamento de uma denúncia contra o ministro da Casa Civil, Ciro Nogueira (PP-PI). O senador é acusado de obstruir investigações sobre suposta organização criminosa formada por integrantes de seu partido.

Iniciada em 2018, a apreciação da matéria foi suspensa por um pedido de vista do ministro Gilmar Mendes, que se manifestou contra a abertura de inquérito. O placar atual está em dois a um. Votaram pelo acolhimento da denúncia Cármen Lúcia e Edson Fachin; faltam Ricardo Lewandowski e Nunes Maques.

Segundo informações da assessoria do STF, a ministra Carmen Lúcia ainda pode mudar o seu voto, que não foi lançado no plenário virtual. Até o fim do julgamento todos os ministros podem mudar de posição.

-Publicidade-

Leia também: “Roberto Jefferson é preso pela Polícia Federal”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro