STJ é alvo de ataque de hacker e Polícia Federal é acionada

Invasão causou a interrupção de diversos julgamentos que ocorriam simultaneamente por videoconferência
-Publicidade-
STJ: O Judiciário sofre um dos piores ataques da história I Foto: Divulgação/STJ
STJ: O Judiciário sofre um dos piores ataques da história I Foto: Divulgação/STJ | STJ: O Judiciário sofre um dos piores ataques da história

Invasão causou a interrupção de diversos julgamentos que ocorriam simultaneamente por videoconferência

Superior Tribunal de Justiça
Sede do Superior Tribunal de Justiça, em Brasília | Foto: Afonso Marangoni/Revista Oeste

Os sistemas do Superior Tribunal de Justiça (STJ) foram alvo de uma invasão hacker, nesta terça-feira, 3, segundo a presidência da Corte. A Polícia Federal já foi acionada e investiga a ocorrência.

-Publicidade-

O ataque causou a interrupção de diversos julgamentos que ocorriam simultaneamente, por videoconferência, nas seis turmas do STJ.

LEIA MAIS: Produção industrial do Brasil volta ao patamar pré-pandemia

Os sistemas do tribunal, incluindo o site oficial, continuam fora do ar nesta quarta-feira, 4, motivo pelo qual foram suspensos todos os prazos processuais ao menos até a próxima segunda-feira, 14.

O STJ recomendou a todos os seus ministros e servidores não utilizarem qualquer computador que esteja ligado a algum dos sistemas informatizados do tribunal, ao menos até que possa ser atestada a segurança das conexões.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

1 comentário Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.