Ernesto Araújo vai ao Senado ‘explicar’ visita de Pompeo

O convite foi apresentado pelo senador Telmário Mota (PROS-RR), que ameaçava barrar as sabatinas de possíveis embaixadores
-Publicidade-
Chanceler vai participar de sessão da Comissão de Relações Exteriores do Senado | Foto: Roque de Sá/Agência Senado
Chanceler vai participar de sessão da Comissão de Relações Exteriores do Senado | Foto: Roque de Sá/Agência Senado | Convite

O convite foi apresentado pelo senador Telmário Mota (Pros-RR), que ameaçava barrar a sabatina de possíveis embaixadores

Convite
Chanceler vai participar de sessão da Comissão de Relações Exteriores do Senado
Foto: Roque de Sá/Agência Senado
-Publicidade-

O ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, terá de ir ao Senado para dar explicações sobre a visita do secretário de Estado dos Estados Unidos, Mike Pompeo, a Roraima na semana passada. Conforme Oeste mostrou, senadores ficaram irritados com as declarações de Pompeo durante a passagem pelo Brasil.

O convite foi apresentado pelo senador Telmário Mota (Pros-RR), que ameaçava barrar a sabatina de possíveis embaixadores como forma de retaliação ao chanceler. Para amenizar a crise, o chefe do Itamaraty aceitou o convite.

A reação dos senadores é decorrente do mal-estar causado pela troca de farpas entre o chanceler e o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Na sexta 18, Maia disse que a ida de Pompeo às instalações da Operação Acolhida, que recebe venezuelanos que migraram para o Brasil, é uma “afronta às tradições de autonomia e altivez” da política externa.

Em comunicado publicado no site do Ministério das Relações Exteriores, o chanceler brasileiro disse que a nota de Maia “se baseia em informações insuficientes e em interpretações equivocadas”.

“O povo brasileiro preza pela sua própria segurança, e a persistência na Venezuela de um regime aliado ao narcotráfico, terrorismo e crime organizado ameaça permanentemente essa segurança. O povo brasileiro tem apego profundo pela democracia, e o regime Maduro trabalha permanentemente para solapar a democracia em toda a América do Sul”, afirma.

 

 

Telegram
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

10 comments

  1. Estamos cercados por corruptos e incompetentes no congresso. Os políticos de oposição não se posicionam e medidas absurda com essa são frequentes. Que nas próximas eleições os votos expressem o repúdio que temos pelos atuais representantes do legislativo.

    1. O ministro não “terá” que ir ao Senado dar explicações. Ele irá pois ponderou que é melhor ir afagar o ego desses senadores inúteis, do que não ir e dar chance a atrapalharem mais ainda.

  2. As ações dos senadores falam por si. Eles preferem apoiar Maduro, um líder que destruiu seu país e forçou 5 milhões de venezuelanos a fugir (260.000 deles para o Brasil), do que apoiar Pompeo e a ajuda americana que ele oferece, totalizando mais de US $ 1,2 bilhão. Esses senadores corruptos não se importam com os sem-teto e refugiados famintos nas ruas de Boa Vista. Conseguem colocar a ideologia e o seu poder a frente da caridade com aqueles que sofrem extrema necessidade.

  3. (STF) absolveu nesta terça-feira (16) o senador Telmário Mota (PDT-RR) da acusação de que teria participado de uma rinha de briga de galo em 2005, época em que ainda não era parlamentar. A Corte entendeu que o crime prescreveu, pelo tempo

Envie um comentário

-Publicidade-
Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site