Advogado da Precisa passa de testemunha a investigado na CPI

Túlio Silveira permaneceu em silêncio e não respondeu à maioria das perguntas durante seu depoimento
-Publicidade-
O advogado da Precisa Medicamentos, Túlio Silveira, permaneceu em silêncio durante depoimento à CPI
O advogado da Precisa Medicamentos, Túlio Silveira, permaneceu em silêncio durante depoimento à CPI | Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Assim como aconteceu com o líder do governo na Câmara, Ricardo Barros (PP-PR), o advogado Túlio Silveira, da Precisa Medicamentos, também passou da condição de testemunha para a de investigado na CPI da Covid. O anúncio foi feito nesta quarta-feira, 18, pelo relator da comissão, Renan Calheiros (MDB-AL).

A justificativa para a mudança, segundo o senador, é o “silêncio constrangedor” de Silveira no depoimento de hoje ao colegiado. Para Calheiros, o comportamento do advogado “ecoa indícios de participação em prováveis negociações” suspeitas. Silveira teria participado das tratativas para a aquisição da vacina indiana Covaxin pelo Ministério da Saúde.

Leia mais: “Líder do governo na Câmara é incluído em lista de investigados pela CPI”

-Publicidade-

Até o momento, o advogado da Precisa preferiu permanecer em silêncio e não respondeu à maioria das perguntas dos integrantes da CPI. A sessão chegou a ser suspensa pelo presidente da comissão, Omar Aziz (PSD-AM), no início da tarde.

Leia mais: “CPI da Covid é um ‘circo’ e ‘precisa acabar’, diz Ricardo Barros”

“Prefiro que o senhor me desrespeite e me responda, mas acabe com essa conversa de ‘com todo o respeito’, porque isso aí é falta de respeito. O senhor falar em respeito é uma falta de respeito para a gente. O senhor pode me desrespeitar, mas responda às perguntas. Vou suspender a sessão por 30 minutos. Vamos comer agora e depois a gente conversa. Eu vou tomar algumas providências”, ameaçou Aziz.

J. R. Guzzo: “Renan Calheiros, o editor-chefe do noticiário político”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro