Covid-19: Justiça suspende vacinação de adolescentes em MG

Prefeitura do município de Betim anunciou que recorrerá da decisão
-Publicidade-
Vacinação de jovens entre 12 e 14 anos foi suspensa em Betim (MG) por decisão judicial
Vacinação de jovens entre 12 e 14 anos foi suspensa em Betim (MG) por decisão judicial | Foto: Divulgação/Pixabay

A Justiça de Minas Gerais determinou a suspensão da vacinação de adolescentes de 12 a 14 anos contra a covid-19 anos na cidade de Betim. A informação foi confirmada nesta quinta-feira, 17, pela prefeitura do município e pelo Tribunal de Justiça do Estado (TJ-MG).

“Suspender a vacinação de estudantes de 12 a 14 anos até comprovação documental de que todos os grupos prioritários do Plano Nacional de Operacionalização de Vacinação contra a covid-19 e todos os maiores de 18 anos foram vacinados na cidade de Betim”, determinou o juiz Taunier Cristian Malheiros Lima em seu despacho.

Caso a decisão judicial não seja cumprida, o município terá de pagar uma multa de R$ 500 por dose de vacina aplicada. A prefeitura de Betim anunciou que recorrerá da sentença.

-Publicidade-

Leia mais: “Anvisa libera a vacina da Pfizer para adolescentes a partir de 12 anos”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais à equipe da publicação, a outro usuário ou a qualquer grupo ou indivíduo identificado. Caso isso ocorra, nos reservamos o direito de apagar o comentário para manter um ambiente respeitoso para a discussão.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Payment methods
Security site
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Payment methods
Security site