Delegado que atuou na posse de Lula assume segurança do DF 

Sandro Avelar chega para preencher o espaço deixado por Anderson Torres
-Publicidade-
Sandro Avelar é delegado da Polícia Federal desde 1999
Sandro Avelar é delegado da Polícia Federal desde 1999 | Foto: Reprodução/YouTube

A governadora em exercício do Distrito Federal (DF), Celina Leão (PP), anunciou nesta quarta-feira, 25, Sandro Avelar como novo secretário de Segurança Pública do DF. Ele é delegado da Polícia Federal (PF) desde 1999 e chefiou a pasta entre 2011 e 2014, período em que o petista Agnelo Queiroz estava no governo local.

Desde 8 de janeiro, a secretaria está sem titular. Na ocasião, o governador afastado Ibaneis Rocha (MDB) demitiu o então secretário Anderson Torres do cargo. Isso ocorreu depois das manifestações que resultaram em atos de vandalismo na capital federal, com a invasão dos prédios do Executivo, do Legislativo e do Judiciário.

“Recebo esse convite com muita honra e o recebo como uma missão”, disse Avelar, em coletiva de imprensa. “Vou buscar contribuir com o conhecimento que tenho dentro do plano do DF e do governo federal, onde tive oportunidades de atuar, e trazer esse espírito de integração. O objetivo é somarmos esforços e ajudarmos o país neste momento.”

-Publicidade-

Formado em Direito pela Universidade de Brasília, Avelar é delegado da PF desde 1999. Já exerceu cargos no Sistema Penitenciário Federal, no Ministério da Justiça e liderou o combate ao crime organizado na Superintendência da Polícia Federal no DF.

Nas eleições de 2014, candidatou-se ao cargo de deputado federal pelo MDB, em que somou quase 22 mil votos, mas não foi eleito. Em 2021, Avelar atuou na direção-executiva da PF, durante o governo do ex-presidente Jair Bolsonaro, e trabalhou na posse de Luiz Inácio Lula da Silva, em 1º de janeiro.

Avelar também foi presidente da Comissão Nacional de Segurança Pública dos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (Conportos) do Ministério da Justiça.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

4 comentários Ver comentários

  1. O atual Secretário de Segurança Pública do Distrito Federal, Delegado da Polícia Federal Avelar, tem currículo para assumir o cargo. Porém, a área de atuação dele é o Distrito Federal podendo, eventualmente, prestar algum serviço ao país, mas a obrigação dele é com a população do Distrito Federal.

  2. Foi Secretrário de Segurança do DF no período em que as unidades descentralizadas de polícia (postos policiais em quadras residenciais) foram incendiados por vândalos petistas. 🤡

  3. Lula, PT e Esquerda estão em busca de culpados pelos atos de vandalismo do dia 08/01/2023. Já afastaram o Governador Ibanês, eleito, legitimamente, pelo voto popular. Afastaram o Comandante da Polícia Militar do Distrito Federal, afastaram, também, o Secretário de Segurança Pública Anderson Torres e, agora, esse pessoal quer culpar as Forças Armadas por omissão. Inclusive, José Dirceu quer “reformar” as Forças Armadas. Tomara que isso aconteça e gere logo uma crise institucional no Brasil com o impeachment de Lula.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.