PF prende cúpula da Secretaria de Administração Penitenciária do Rio

O chefe da pasta, Raphael Montenegro, e mais dois subsecretários foram detidos pelos policiais na Operação Simonia
-Publicidade-
Polícia Federal deflagrou operação para prender o comando da Secretaria de Administração Penitenciária do Estado do Rio
Polícia Federal deflagrou operação para prender o comando da Secretaria de Administração Penitenciária do Estado do Rio | Foto: Reprodução/Mídias Sociais

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira, 17, o secretário estadual de Administração Penitenciária do Rio, Raphael Montenegro, além de dois subsecretários da pasta: Wellington Nunes da Silva (Gestão Operacional) e Sandro Farias Gimenes (superintendente).

Segundo as investigações, eles são suspeitos de terem negociado acordos com o Comando Vermelho — principal facção criminosa do Estado — “em troca de influência sobre os locais de domínio destes traficantes e outras vantagens ilícitas”.

Leia mais: “Defesa da família de Anderson pede transferência de Flordelis para o interior”

-Publicidade-

Pelo suposto acordo com os traficantes, os dirigentes da Secretaria de Administração Penitenciária teriam acertado o retorno de criminosos detidos no presídio de Catanduvas (PR) para o Rio de Janeiro, a entrada de pessoas e itens proibidos em unidades prisionais e a libertação de Wilton Carlos Rabello Quintanilha, o Abelha, integrante da facção.

De acordo com informações da TV Globo, o governador do Rio, Cláudio Castro (PL), deve nomear para o comando da secretaria o delegado da PF Victor Hugo Poubel.

Leia também: “PF faz operação contra tráfico de influência e corrupção na OAB-SP”

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro