Operação da PF investiga fraudes em compras de testes de covid-19

Segundo as investigações, foram identificados sobrepreços em processos licitatórios para aquisição de testes rápidos anticovid
-Publicidade-
120 agentes cumprem os mandados de busca e apreensão nas cidades cariocas
120 agentes cumprem os mandados de busca e apreensão nas cidades cariocas | Foto: Divulgação/PF

Uma investigação da Polícia Federal (PF) apura fraudes em processo licitatório para a compra de testes de covid-19.

A operação Reativo, deflagrada na manhã desta terça-feira, 14, acontece no Rio de Janeiro e em outros seis municípios da Baixada Fluminense.

Os agentes cumprem 26 mandados de busca e apreensão. Um dos alvos é a prefeitura de Japeri. De acordo com a PF, a análise feita pela Controladoria-Geral da União em contratos do governo municipal de Japeri comprovou o sobrepreço nos processos licitatórios para a  compra de testes de covid-19.

-Publicidade-

Três empresas que participaram da licitação fizeram uma combinação para direcionar a empresa ganhadora a firmar um contrato de R$ 2 milhões, apontou a investigação. A PF afirma ainda que essas empresas estão vinculadas a diversos processos licitatórios em outras cidades do Rio.

Os investigados — pessoas físicas e jurídicas — terão contas bancárias bloqueadas, bens e valores sequestrados por decisão judicial. Eles responderão por fraude à licitação e peculato.

As outras cidades-alvos de ações da PF são Laje de Muriaé, Nilópolis, São João de Meriti, Nova Iguaçu e Mesquita.

Investigações começaram em 2020

As investigações da PF começaram em outubro de 2020, quando o órgão desencadeou uma operação para investigar a compra de respiradores obsoletos e superfaturados em Japeri.

Antes da pandemia, a população de Japeri nunca teve um hospital no município. Apenas no início de 2020, a prefeitura decidiu construir um hospital de campanha. E, para equipar a unidade, o Executivo municipal adquiriu respiradores que não funcionavam de uma empresa que não existia no endereço informado, segundo as investigações.

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

2 comentários Ver comentários

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.