Dólar fecha em alta com risco fiscal no radar

Expectativa de aumento de juros no Brasil impediu avanço maior da moeda norte-americana
-Publicidade-
Cenário político esteve no radar de investidores | Foto: John Guccione/Pexels

As dúvidas em torno da situação fiscal do Brasil voltaram a rondar o mercado financeiro. Na máxima do dia, o dólar chegou a R$ 5,27, e perdeu força ao longo das negociações. Com isso, a moeda norte-americana encerrou a terça-feira, 3, em alta de 0,51%, a R$ 5,19.

Leia mais: “Reforma tributária tem pontos positivos, mas frustrou expectativas, dizem analistas”

A atenção dos investidores, em boa parte do dia, ficou voltada às discussões sobre o novo programa social do governo federal, o pagamento dos precatórios e o cenário político. No final, as apostas de alta de juros no Brasil, que vai ser definida pelo Comitê de Política Monetária do Banco Central na quarta-feira 4, impediram um avanço maior do dólar.

-Publicidade-

 

Telegram
-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Gostou da Leitura?

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 19,90 mensais.

Meios de pagamento
Site seguro