IPCA-15: prévia da inflação é a maior para abril desde 1995

Gasolina teve alta de 7,5% no período analisado pelo IBGE e puxou o aumento no mês
-Publicidade-
Alta da gasolina puxou índice IPCA-15 no recorte de abril
Alta da gasolina puxou índice IPCA-15 no recorte de abril | Foto: Domínio Público/PxHere

Considerado uma prévia da inflação, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo 15 (IPCA-15) ficou em 1,73% em abril, de acordo com levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A taxa teve aumento de 0,78 ponto porcentual em relação ao patamar de março (0,95%).

Os números foram divulgados nesta quarta-feira, 27, e apresentaram impacto considerável da alta da gasolina nas últimas semanas. Este é o maior índice para o mês de abril desde 1995, quando o IPCA-15 ficou em 1,95%.

Com o resultado, o IPCA-15 acumula aumento de 4,3% em 2022. Já nos últimos 12 meses, o índice acumulado chega a 12%, acima dos 10,8% registrados de março.

-Publicidade-

Calculado com base em uma cesta de consumo típica das famílias com rendimento entre um e 40 salários mínimos, o IPCA-15 colhe dados de nove regiões metropolitanas do país, além de Brasília e Goiânia. A diferença em relação ao IPCA está na abrangência geográfica e no período de coleta, entre o dia 16 do mês anterior e o 15º dia do mês de referência.

Gasolina puxa alta

Oito dos nove grupos de despesa pesquisados pelo IBGE apresentaram alta de preços em abril. O maior impacto veio dos transportes, que registraram inflação de 3,4% na prévia do mês.

Entre os itens que se destacaram no período estão os combustíveis, que registraram alta de 7,5%, devido ao aumento nos preços da gasolina (7,5%), óleo diesel (13%), etanol (6,5%) e gás veicular (2%).

Veja a inflação de abril para cada um dos grupos pesquisados pelo IBGE:

Alimentação e bebidas: 2,25%

Habitação: 1,73%

Artigos de residência: 0,94%

Vestuário: 1,97%

Transportes: 3,43%

Saúde e cuidados pessoais: 0,47%

Despesas pessoais: 0,52%

Educação: 0,05%

Comunicação: -0,05%

-Publicidade-
* O espaço para comentários é destinado ao debate saudável de ideias. Não serão aceitas postagens com expressões inapropriadas ou agressões pessoais.

Envie um comentário

Conteúdo exclusivo para assinantes.

Seja nosso assinante!
Tenha acesso ilimitado a todo conteúdo por apenas R$ 23,90 mensais.

Revista OESTE, a primeira plataforma de conteúdo cem por cento
comprometida com a defesa do capitalismo e do livre mercado.

Meios de pagamento
Site seguro
Seja nosso assinante!

Reportagens e artigos exclusivos produzidos pela melhor equipe de jornalistas do Brasil.